ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, QUINTA  18    CAMPO GRANDE 21º

Interior

Brasileiro e paraguaio são presos em ação contra pistoleiros

Thiago de Souza e Aníbal Vera foram encontrados em um dos endereços vasculhados em Pedro Juan Caballero

Por Helio de Freitas, de Dourados | 26/09/2023 11:45
Um dos presos hoje em Pedro Juan é retirado de caminhonete da polícia (Foto: Última Hora)
Um dos presos hoje em Pedro Juan é retirado de caminhonete da polícia (Foto: Última Hora)

O brasileiro Thiago de Souza e o paraguaio Aníbal Vera foram presos na manhã desta terça-feira (26) durante buscas da Polícia Nacional e do Ministério Público do Paraguai em Pedro Juan Caballero, cidade vizinha de Ponta Porã (MS).

As ações fazem parte da investigação sobre o assassinato de Charles Gonzalez Coronel, 32, ocorrido no dia 21 deste mês. Filho do narcotraficante Clemencio González Giménez, o “Gringo González”, Charles foi morto com quatro tiros, no meio da rua. A polícia paraguaia ainda não informou se os dois presos tiveram participação direta na execução.

Executadas por policiais da Direção Regional de Investigações e equipes do Ministério Público comandadas pela promotora de Justiça Katia Uemura, as buscas apreenderam celulares, rádios comunicadores, placas de carros e pelo menos quatro pistolas 9 milímetros.

Segundo a promotora Katia Uemura, nas casas vasculhadas foram encontrados vestígios da presença recente dos suspeitos.  “As pessoas estão em fuga porque existe investigação muito forte”, afirmou Uemura.

Segundo ela, as armas apreendidas hoje serão periciadas, para saber se foram usadas na execução do dia 21. Charles Gonzalez foi morto com pelo menos quatro tiros de fuzil e de pistola.

Dois homens que estavam com ele, o paraguaio Jaime Verón Florentín, 29, o boliviano Rony Justiniano Callaon, chegaram a trocar tiros com os pistoleiros, mas também foram feridos. Atingido no olho, o boliviano segue internado em estado grave. Já o paraguaio foi ferido na mão e liberado após receber atendimento médico.

Receba as principais notícias do Estado pelo WhatsApp. Clique aqui para entrar na lista VIP do Campo Grande News.

Nos siga no Google Notícias