ACOMPANHE-NOS    
SETEMBRO, QUARTA  22    CAMPO GRANDE 32º

Interior

Brasileiro é preso acusado de planejar assassinato de prefeito no Paraguai

Por Rafael Ribeiro | 22/12/2016 10:57

Um brasileiro de 24 anos foi preso em flagrante pela Polícia Nacional do Paraguai armado com uma pistola calibre 9 milímetros e acusado de ser pago para matar o prefeito de Capitán Bado, que faz fronteira com Coronel Sapucaia (a 400 km de Campo Grande), nesta quarta-feira (21).

Segundo a polícia, o acusado já era investigado por agentes dos dois países pela atuação como pistoleiro nas áreas de fronteira. Além disso, ele tem contra si mandatos de prisão expedidos pela Justiça brasileira por tráfico e homicídio.


Durante a manhã, ele foi até a sala de entrada do gabinete do prefeito Denilson Sanches alegando que tinha uma reunião marcada, mas teria sido reconhecido por funcionários, que avisaram a polícia.


O brasileiro não confessou o crime e negou suas intenções. Disse que queria apenas conversar com o prefeito, mas não revelou o assunto. No endereço dado por ele como sua casa na cidade paraguaia, foram localizadas mais munições de 9 milímetros.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário