ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEXTA  30    CAMPO GRANDE 23º

Interior

Com "fogo contra fogo" força-tarefa combate chamas no Parque da Ilha Grande

A Ilha Bandeirantes no Parque Nacional da Ilha Grande é um dos locais de mais difícil acesso

Por Adriano Fernandes e Marta Ferreira | 25/09/2020 23:28


Usando a técnica do “fogo contra fogo”, bombeiros e brigadistas controlaram os principais focos de incêndio da Ilha Bandeirantes que fica no Parque Nacional da Ilha Grande, em Naviraí, uma das regiões de mais difícil acesso da região . Neste tipo de combate os agentes criam uma pequena linha de chamas que vai de encontro ao incêndio florestal. Logo em seguida, o incêndio é apagado pelos brigadistas.

Pela manhã os militares e brigadistas da força-tarefa chegaram a acionar um helicóptero da Polícia Militar do Paraná, Falcão 03, para que jogasse água na linha de fogo que avançava próximo a uma rodovia, enquanto militares do Corpo de Bombeiro avançavam no terreno pra tentar realizar o combate direto.

Mas em seguida eles optaram por realizar a técnica do "fogo contra fogo" pra eliminar de vez o problema. A técnica utilizada pela força tarefa foi considerada um sucesso, tendo em vista que o incêndio principal que atingiu a Ilha foi extinto e boa parte da vegetação e ilhas vizinhas foram preservadas.

Contudo, os militares e brigadistas ainda permanecem está noite monitorando este foco e a expectativa é de que amanhã pela manhã os trabalhos se encerram. A região do Parque Nacional da Ilha Grande é de difícil acesso, vegetação alta e fechada, além de muito brejo, o que impossível o combate terrestre. O parque fica na divisa entre Mato Grosso do Sul e Paraná.

O trabalho de combate foi feito bombeiros militares de Mato Grosso do Sul, do Paraná e brigadistas do ICMBio.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário