ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, DOMINGO  05    CAMPO GRANDE 26º

Interior

Diretor-adjunto é afastado de escola suspeito de abuso sexual de crianças

A informação chegou à SED em junho e neste mês o servidor foi afastado; Caso já está com o MPE e segue em segredo de Justiça

Por Danielle Valentim | 25/07/2018 10:31
Número de vítimas não foi informado, pois segundo a Secretária o caso já está com o MPE. (Foto: Divulgação)
Número de vítimas não foi informado, pois segundo a Secretária o caso já está com o MPE. (Foto: Divulgação)

Um diretor-adjunto de 53 anos que atuava em uma escola estadual de Cassilândia, a 418 km de Campo Grande, foi afastado das atividades após ser apontado como autor de diversos abusos contra crianças. Os casos foram registrados na Polícia Civil e enviados ao Ministério Público de Mato Grosso do Sul.

Ao Campo Grande News, a SED (Secretaria Estadual de Educação) confirmou o recebimento do caso, no mês de junho, e que o afastamento saiu neste mês.

Conforme o delegado Rodrigo de Freitas, que recebeu as denúncias, os casos seguem em segredo de Justiça e, por isso, o número de vítimas não pode ser informado.

A reportagem entrou em contato com o Conselho Tutelar de Cassilândia, que recebeu o caso em maio, mas a servidora que assistiu a criança está em férias. As vítimas teriam entre 9 e 13 anos.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário