A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

12/05/2016 08:17

Erosões formadas pelas chuvas e queda de pontes isolam aldeia

Renata Volpe Haddad
No distrito de Morumbi, em Eldorado, uma grande erosão abriu na rua e prejudica o acesso de moradores nas casas. (Foto: Defesa Civil)No distrito de Morumbi, em Eldorado, uma grande erosão abriu na rua e prejudica o acesso de moradores nas casas. (Foto: Defesa Civil)

Após chover mais de 240 milímetros em três dias, o cenário em Eldorado, distante 447 km de Campo Grande, é de estragos. Crateras foram abertas e pontes foram levadas, novamente. Na aldeia Cerrito, os moradores estão praticamente isolados, após duas pontes caírem.

De acordo com o coordenador da Defesa Civil do município, Wilson Duarte dos Santos, o distrito de Morumbi foi o mais prejudicado devido as chuvas fortes.

"Estamos fazendo os levantamentos dos estragos, mas já percorremos vários locais e pontes rodaram, grandes erosões se formaram pelas ruas", informa.

A rodovia MS-295 que vai até o distrito estava interditada devido a uma cratera que se formou, mas ontem (11) foi arrumada e liberada. Outro acesso usado pelos moradores do distrito, estrada municipal EL-01, que liga Eldorado a MS-295, também está prejudicado, pois uma ponte foi levada pela chuva.

"Os dutos que passam água também foram arrancados com a força da água. Além disso, constatamos muitos buracos e erosões e agora de manhã vamos até a aldeia Cerrito pois lá, duas pontes caíram".

Segundo o coordenador, a aldeia está praticamente isolada e o acesso está sendo feito por dentro dos canaviais.

Ponte em estrada municipal que dava acesso ao distrito, caiu. (Foto: Defesa Civil)Ponte em estrada municipal que dava acesso ao distrito, caiu. (Foto: Defesa Civil)
Erosão causada pelas chuvas no distrito de Morumbi. (Foto: Defesa Civil)Erosão causada pelas chuvas no distrito de Morumbi. (Foto: Defesa Civil)


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions