ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, QUINTA  18    CAMPO GRANDE 25º

Interior

Este ano, bombeiros atenderam 4,9 mil ocorrências de incêndios em MS

Governo decretou situação de emergência após registros de incêndios fora de controle, a maioria, no Pantanal

Silvia Frias | 14/09/2019 15:45
Equipe em trabalho de combate aos focos de incêndio em Miranda (Foto/Divulgação: Corpo de Bombeiros)
Equipe em trabalho de combate aos focos de incêndio em Miranda (Foto/Divulgação: Corpo de Bombeiros)

O Corpo de Bombeiros Militar de Mato Grosso do Sul atendeu 4.946 ocorrências de incêndios florestais no Estado em 2019. A onda de calor foi responsável pelo decreto de situação de emergência, em consequência dos focos sem controle registrados principalmente na região do Pantanal.

De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE), Mato Grosso do Sul é o 6ºEstado com maior número de focos de calor no mês de setembro, centrando 7,7% dos incêndios florestais do País.

O Corpo de Bombeiros montou uma escala operacional de combate ao fogo, envolvendo 56 militares de folga e do setor administrativo, além dos 200 já em operação. O número de ocorrências atendidas cresceu 45% na comparação janeiro/setembro de 2017 com 2019, saltando de 3.151 casos para 4.946.

Além das equipes dos bombeiros, também estão em operação os brigadistas do Prevfogo e das propriedades. Serra da Bodoquena e Refúgio Caiman, a 31 quilômetros de Miranda, são os pontos de maior preocupação.

Nos siga no Google Notícias