ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, DOMINGO  20    CAMPO GRANDE 24º

Interior

Ex-presidiário é baleado por encapuzados na frente da familia

Três homens invadiram casa em Naviraí e atiraram em homem de 26 anos, que está em estado grave; mulher diz que ele recebia ameaças

Por Helio de Freitas, de Dourados | 02/05/2018 09:18

O ex-presidiário Paulo Pereira de Brito, 26, foi ferido a tiros na noite de ontem (1º) em Naviraí, a 366 km de Campo Grande, por três pistoleiros que invadiram sua casa e atiraram nele na frente da mulher e dos filhos pequenos. Ele foi socorrido para a Santa Casa da cidade, mas devido à gravidade dos ferimentos foi transferido para um hospital de Dourados.

A mulher de Paulo contou que ele vinha recebendo ameaças, mas disse não conhecer os três homens que entraram na casa e atiraram em seu marido. De acordo com a ocorrência policial, seis projéteis foram recolhidos na casa.

Segundo a testemunha, ela servia o jantar para o marido e os filhos na cozinha quando os três homens invadiram a casa, localizada no bairro Belo Horizonte I Plano. Paulo se jogou no chão, mas não conseguiu fugir dos tiros e foi atingido várias vezes.

Mesmo gravemente ferido com tiros na cabeça, no peito e no braço direito, o homem conseguiu falar aos policiais que no período em que ficou recolhido no presídio da cidade era da oposição à facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital).

Paulo tinha contra si um mandado de prisão por tentativa de homicídio. Em 2016, durante pente-fino no presídio local, agentes penitenciários encontraram uma porção de maconha na cela onde Paulo estava recolhido com outros presos. Ele assumiu ser dono da droga.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário