ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SEGUNDA  06    CAMPO GRANDE 29º

Interior

Fazendeiro constrói dique com areia e argila para barrar água do Rio Paraguai

Por Ricardo Campos Jr. | 20/01/2017 13:50
Dique foi construído com argila e areia em fazenda do Nabileque (Foto: divulgação / PMA)
Dique foi construído com argila e areia em fazenda do Nabileque (Foto: divulgação / PMA)

Um pecuarista de 56 anos construiu um dique sem autorização ambiental para barrar as águas do Rio Paraguai durante as cheias, em Corumbá, a 419 quilômetros de Campo Grande. A propriedade fica na região do Nabileque, no Pantanal sul-mato-grossense.

Policiais militares ambientais faziam rondas de fiscalização no local quando flagraram a irregularidade. A estrutura foi erguida com argila e areia. Ela tinha 113 metros de extensão, 1,5 metros de altura e dois metros de largura.

O suspeito, que não teve o nome divulgado pela corporação, já havia cometido o mesmo crime ambiental outras duas vezes.

Segundo a polícia, ele recebeu multa de R$ 20 mil e vai responder judicialmente pela irregularidade. Se for condenado, pode pegar de três meses a seis meses de prisão.