A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Outubro de 2019

27/09/2019 20:06

Foragido morre em confronto com a PM após assalto a farmácia

Alex Rocha de Oliveira era de Campo Grande com passagens por assalto a banco e carro forte

Adriano Fernandes
Alex Rocha de Oliveira era de Campo Grande e acumulava passagens por roubo e furto. (Foto: Diário Corumbaense) Alex Rocha de Oliveira era de Campo Grande e acumulava passagens por roubo e furto. (Foto: Diário Corumbaense)

O campo-grandense Alex Rocha de Oliveira, de 31 anos, morreu em confronto com a PM (Polícia Militar) na tarde desta sexta-feira (27) em residência no Centro de Corumbá, cidade a 419 quilômetros de Campo Grande. Alex e um comparsa, identificado como Edson da Silva Barbosa, de 47 anos, que foi preso durante a abordagem eram suspeitos de terem assaltado uma farmácia da cidade, na última segunda-feira (23).

As investigações apontaram que a dupla estava em um imóvel na Rua Tiradentes entre as ruas América e a Colombo. Próximo ao local, em frente a a uma escola foi encontrado o comparsa do suspeito que confessou o roubo à farmácia e disse onde Alex Rocha estava escondido.

À polícia o homem teria dito que o colega estava armado com um revólver calibre 38 em uma vila de casas da região. No endereço relatado, equipes da PM cercaram todo o perímetro. Alex ainda tentou fugir pelos fundos do local, mas se deparou com os agentes.

O homem chegou a atirar contra os policiais e ao retornar para a casa onde estava, foi cercado novamente por outra equipe. Os policiais teriam mandado que ele largasse a arma, mas o suspeito apontou o revólver para os agentes e acabou baleado.

Os policiais ainda levaram Alex para o pronto-socorro, porém ele já chegou ao local morto. O comparsa dele, está preso na 1ª Delegacia de Polícia Civil, ainda conforme o Diário Corumbaense.

Assalto a farmácia foi gravado por câmeras de segurança. (Foto: Diário Corumbaense) Assalto a farmácia foi gravado por câmeras de segurança. (Foto: Diário Corumbaense)

Histórico

Conforme a Polícia Militar Alex tinha mandados de prisão e já havia cometido vários roubos, inclusive em São Paulo, como assaltos a banco e carro forte.Já é Edson que também é de Campo Grande, tem passagens por roubos e seria integrante da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital).

O assalto

Imagens do circuito de monitoramento mostraram quando os ladrões armados entraram e anunciaram o assalto. Enquanto um deles, que usava casaco com capuz, roubava o dinheiro do caixa, o outro bandido, encapuzado, rendia os clientes. No momento do roubo, um homem que estava com um bebê de colo, foi abordado pelo bandido que usava capuz, além de uma mulher.
Os ladrões levaram R$ 490,00 do caixa da farmácia e um celular, uma aliança e uma chave de carro modelo Voyage, dos clientes. Um dos bandidos usava tornozeleira eletrônica.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions