ACOMPANHE-NOS    
JUNHO, QUARTA  29    CAMPO GRANDE 16º

Interior

Helicóptero da polícia sem bateria vira piada na “fronteira do crime”

Viatura foi usada para tentar fazer “chupeta” na bateria de aeronave em La Paloma, perto de MS

Por Helio de Freitas, de Dourados | 19/05/2022 15:31
Policiais tentam carregar bateria de helicóptero usando bateria de viatura. (Foto: Capitán Bado.com)
Policiais tentam carregar bateria de helicóptero usando bateria de viatura. (Foto: Capitán Bado.com)

A cena de helicóptero da polícia sem bateria virou piada nesta quinta-feira (19), na fronteira do Paraguai com Mato Grosso do Sul. A aeronave da Polícia Nacional paraguaia não conseguiu decolar nem mesmo com o procedimento popularmente conhecido como “chupeta”.

Nas redes sociais, sobraram críticas ao governo paraguaio pelo abandono da estrutura policial justamente na linha internacional mais violenta da América do Sul e onde o poder do crime organizado impera. Segundo fontes ouvidas pela reportagem, a aeronave é antiga, espécie de bisavô dos modelos usados pela Polícia Federal brasileira.

O helicóptero estava no pátio da sede da Polícia Nacional em La Paloma, no departamento de Canindeyú. A cidade fica a 20 km de Salto del Guairá, vizinha de Mundo Novo. A região é dominada por contrabandistas de cigarro.

Cabos foram conectados na bateria da viatura e do helicóptero, mas não adiantou. Sem conseguir fazer o motor funcionar, a polícia decidiu rebocar a aeronave até a capital Asunción.

Nos siga no Google Notícias