ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SÁBADO  11    CAMPO GRANDE 22º

Interior

Homem é preso e 30 galos de rinha são encontrados mutilados no interior

Arena e esporas cortadas nos animais indicam crime ambiental

Por Gabriel Neris | 27/05/2020 18:48
Animais foram encontrados em caixas pequenas e sem luz solar (Foto: Divulgação)
Animais foram encontrados em caixas pequenas e sem luz solar (Foto: Divulgação)

Homem, de 34 anos, foi detido depois de denúncia de possível rinha de galos que estaria ocorrendo de uma residência de Ponta Porã, distantes 323 km de Campo Grande. Trinta animais da espécie galo-índio foram encontrados no local.

Também havia uma arena, mas no momento da vistoria não foi encontrada a irregularidade.

De acordo com a PMA (Polícia Militar Ambiental), no quintal da residência alguns animais eram mantidos confinados em gaiolas de madeira apertadas com restrição de movimentos, privação de luz solar e circulação de área inadequada, enquanto outros estavam soltos.

Os galos apresentavam ferimentos na crista e também no peito. Todas as aves estavam mutiladas, com esporas cortadas, característica de animais envolvidos em rinhas.

A arena utilizada para colocar os animais em briga também aponta que o local funcionava como rinha. O responsável foi multado em R$ 15 mil.