A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 26 de Março de 2017

09/02/2015 16:34

Hospital vai receber R$ 843 mil da prefeitura para atendimento de urgência

Helio de Freitas, de Dourados
Prefeito Ricardo Fávaro (à direita) ao assinar convênio com o diretor do hospital Milton Melo e o secretário de Saúde Luiz Carlos (Foto: Edson Freitas)Prefeito Ricardo Fávaro (à direita) ao assinar convênio com o diretor do hospital Milton Melo e o secretário de Saúde Luiz Carlos (Foto: Edson Freitas)

A prefeitura de Itaquiraí, cidade a 410 km de Campo Grande, vai liberar R$ 843 mil para ajudar a custear atendimento de urgência e emergência no Hospital São Francisco. O convênio para liberação do dinheiro em 12 parcelas de R$ 70.250 foi assinado hoje pelo prefeito Ricardo Fávaro Neto com a ABI (Associação Beneficente de Itaquiraí), entidade mantenedora do hospital.

O secretário de Saúde de Itaquiraí, Luiz Carlos de Souza, informou que os recursos serão suficientes para cobrir despesas de 334 vagas “zero”, pagar 201 plantões de 12 horas e 91 plantões de 24 horas e garantir outros investimentos no valor de R$ 254.700. “Este é o maior convênio financeiro já firmado com o Hospital São Francisco, em toda sua história”, afirmou.

Participaram do ato de assinatura, no Gabinete do Prefeito, o Diretor Administrativo do Hospital São Francisco, Milton Melo, popular ‘Pacato’, e o Secretário Municipal de Saúde Luiz Carlos de Souza. Após a assinatura do prefeito Ricardo, eles também rubricaram o documento, avalizando a iniciativa da Administração “Trabalhando para Todos”.

Através da assessoria, o prefeito da cidade de 19.920 habitantes disse que os atendimentos ambulatoriais, consultas e exames estão sendo feitos “a contento” nos postos de saúde e através de com clínicas médicas especializadas. Entretanto, segundo ele, a prefeitura não poderia “virar as costas” para os atendimentos de urgência e emergência que sempre terminam em internações. “Para garantir também este atendimento, como o socorro a vítimas de acidentes, fechamos esse acordo com a ABI”, afirmou Ricardo Fávaro Neto. Segundo ele, é mais um investimento que o município faz para garantir serviços que seriam de reponsabilidades do Estado e da União.

O diretor administrativo do Hospital São Francisco, Milton Melo, disse que sem a parceria com a prefeitura seria impossível manter os atendimentos. Este é um pacto com reflexo direto no atendimentos de urgência, emergência e internações. Garante esses procedimentos e custeia principalmente os plantões dos médicos e manutenção do hospital”, afirmou.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions