A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 21 de Setembro de 2017

19/05/2015 11:53

Jovem que matou adolescente em aldeia foi preso embaixo de ponte

Caroline Maldonado

O estudante Dejair da Silva Nunes, 19 anos, que matou a golpes de faca um adolescente indígena de 15 anos, foi preso quando se escondia embaixo de uma ponte. O crime aconteceu na madrugada de segunda (11), na aldeia Brejão, em Nioaque, a 179 quilômetros de Campo Grande.

Segundo a Polícia Civil, após matar Samuel Figueiredo Lisboa, o suspeito se escondeu sob a ponte do Rio Urumbeva, mas um primo da vítima deu a localização aos policiais e ele foi preso na terça-feira (12).

Dejair é estudante em Sidrolândia e não é indígena, segundo a delegada responsável pelo caso, Tháis Cavalcante França. Conforme as testemunhas, Dejair se irritou ao achar que uma ofensa era para ele, por isso pegou uma faca e matou a vítima.

Eles estavam na casa da mãe do suspeito do crime, consumindo bebida alcoólica com outros amigos, no momento do crime. “O autor escutou a vítima chamando alguém de 'viado' e pensou que era para ele. Conforme as testemunhas, então ele pegou uma faca na cozinha e cometeu o assassinato”, contou a delegada.

Dejair foi preso em flagrante e indiciado por homicídio doloso por motivo fútil. A pena pode variar entre 12 e 30 anos, de acordo com a delegada.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions