ACOMPANHE-NOS    
JULHO, QUINTA  29    CAMPO GRANDE 

Interior

Morre bebê de 9 meses que foi espancada pela mãe com pedaço de madeira

A bebê teve afundamento de crânio, os braços quebrados e diversas lesões pelo corpo

Por Adriano Fernandes e Helio de Freitas | 18/03/2021 21:46
Entrada do Hospital Universitário de Dourados. (Foto: Divulgação) 
Entrada do Hospital Universitário de Dourados. (Foto: Divulgação)

A bebê de 9 meses que foi espancada pela mãe com um pedaço de madeira, morreu às 15h desta quinta-feira (18), no Hospital Universitário de Dourados, a 233 quilômetros de Campo Grande. As agressões teriam ocorrido no dia 2 de março em uma aldeia indígena de Amambai, mas a menina só foi atendida três dias depois no Hospital da Vida de Dourados.

A bebê teve afundamento de crânio, os braços quebrados e diversas lesões pelo corpo durante a sessão de tortura. Ela estava entubada no Hospital Universitário desde o dia 6 e seu estado era gravíssimo. Conforme a conselheira tutelar de Dourados, Vanilza Martins Silva, a bebê teve morte encefálica e um boletim de ocorrência já foi registrado na Polícia Civil. O corpo da criança será encaminhado amanhã para o velório em Amambai.

Crueldade - Segundo apurado pelo portal Ligado na Notícia junto à polícia, a mãe da bebê de 22 anos permaneceu com a criança em casa, sem nenhum atendimento médico, mesmo diante da gravidade dos ferimentos. A agressão foi percebida por um policial que estava de plantão no hospital, quando a criança deu entrada. A princípio a mãe relatou que a bebê tinha caído da cama.

No entanto, ela acabou confessando que na terça-feira (2), bateu na criança com um pedaço de madeira porque, segundo ela, “a criança estava insuportável, chorando demais”. A jovem chegou a ser conduzida até a delegacia, mas foi liberada para responder ao crime em liberdade. Agora ela  deve ser indiciada por homicídio.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário