ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SÁBADO  11    CAMPO GRANDE 20º

Interior

Homem baleado em conveniência devia R$ 1,8 mil para empresário

Crime ocorreu na tarde de ontem (24) em Paranaíba

Por Kerolyn Araújo | 25/05/2020 07:28
Homem foi baleado em conveniência, não resistiu aos ferimentos e morreu. (Foto: Jornal Tribuna Livre)
Homem foi baleado em conveniência, não resistiu aos ferimentos e morreu. (Foto: Jornal Tribuna Livre)

Baleado com tiro no peito na tarde de domingo (24), Luiz Muniz da Silva, 38 anos, estava devendo R$ 1,8 mil ao empresário suspeito do crime, valor referente a compra de uma câmera fotográfica. O crime ocorreu em Paranaíba, cidade distante a 422 quilômetros de Campo Grande.

Segundo informações do boletim de ocorrência, Luiz estava em uma conveniência na região central da cidade, quando foi abordado pelo suspeito e baleado no tórax. Devido ao estado grave, a vítima foi socorrida por equipe da Polícia Militar.

Testemunhas relataram à polícia que o motivo da tentativa de homicídio era uma dívida que a vítima tinha com o autor. Luiz teria comprado uma câmera fotográfica pelo valor de R$ 1,8 mil e estava com as parcelas atrasadas.

Foram feitas buscas pela cidade, mas o suspeito não foi localizado. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil de Paranaíba.


*Matéria atualizada no dia 25/05 às 09h13 para correção de informação