A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 28 de Junho de 2017

30/03/2015 09:17

Mulher de 57 anos morre atropelada por motocicleta na BR-262

Viviane Oliveira
 Moradores da região reclamam da falta de iluminação, onde ocorreu acidente com morte. (Foto: Ricardo Albertoni/Diário Corumbaense)
Moradores da região reclamam da falta de iluminação, onde ocorreu acidente com morte. (Foto: Ricardo Albertoni/Diário Corumbaense)

Uma mulher de 57 anos morreu atropelada por uma motocicleta na noite de ontem (29), no anel viário, prolongamento da rodovia BR-262, na parte alta da cidade, em Corumbá, distante 419 quilômetros de Campo Grande. A vítima, Francisca Rondon morreu no local.

De acordo com o site Diário Corumbaense, a mulher caminhava na via, quando foi atingida por uma moto CG Titan, conduzida por Eduardo Flores dos Santos, 28 anos, que tinha como passageira Ângela Janaína de Oliveira Vilalva, 34 anos.

O rapaz sofreu ferimentos leves. Já Ângela foi encaminhada inconsciente ao pronto-socorro municipal e deve ser transferida para Campo Grande. A suspeita é de que a mulher tenha sofrido traumatismo craniano.

Ainda conforme o site, com o impacto do acidente, Francisca, que morreu no local, teve uma das pernas decepada. Os moradores da região reclamam que além do trecho ter iluminação ruim e sinalização precária, os motoristas andam em alta velocidade na via. Eles pedem radar para reduzir os acidentes, inclusive com morte, que são frequentes no local.

Em abril do ano passado, Silvestre da Silva Lemos, 54 anos, morreu no mesmo local atropelado por um veículo Fox com placas de Ladário. Ele estava sentado na porta da casa onde morava, quando resolveu atravessar a via e foi atingido pelo carro.




imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions