ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, QUARTA  10    CAMPO GRANDE 11º

Interior

Mulheres invadem hospital para levar bebê que "compraram"

Polícia investiga caso que ocorreu na fronteira de Mato Grosso do Sul com o Paraguai

Por Mirian Machado | 17/06/2022 16:23
Policiais em frente a hospital onde mulheres foram pegar bebê. (Foto: Marciano Candia/Última Hora)
Policiais em frente a hospital onde mulheres foram pegar bebê. (Foto: Marciano Candia/Última Hora)

A Polícia Nacional investiga suposto comércio de um bebê em Pedro Juan Caballero, fronteira com Ponta Porã, a cerca de 323 km de Campo Grande. Duas mulheres foram até maternidade local buscar uma criança nesta sexta-feira (17), que dizem ter comprado.

As mulheres chegaram à Maternidade do Hospital Regional de Pedro Juan Caballero procurando pelo bebê pelo qual haviam pago em dinheiro.

O diretor do Hospital Regional, Pablo Ayala, explicou que as mulheres deram o nome da mãe do bebê. Como ela não foi encontrada, a dupla foi questionava sobre o que pretendia confessou que havia ido até o local para buscar o bebê que havia comprado.

"Surpreende e choca que uma pessoa diga que comprou um bebê e que vem pegá-lo", disse Ayala.

Depois disso, segundo apurado pelo portal Última Hora, os médicos e enfermeiros imediatamente comunicaram o fato à direção do centro de atendimento e a Polícia Nacional, porém as mulheres fugiram.

A polícia faz buscas pela dupla.

Nos siga no Google Notícias