A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 29 de Março de 2017

21/08/2013 12:42

Para Polícia, transexual encontrada morta em carro não foi assassinada

Aline dos Santos
Marcelly sofreu parada cardiorrespiratória. (Foto: Dourados Agora)Marcelly sofreu parada cardiorrespiratória. (Foto: Dourados Agora)

As investigações da Polícia Civil apontam que a transexual Marcelly Tavares, de 30 anos, não foi assassinada. "Não descartamos 100% essa hipótese, mas não há sinais de estrangulamento e espancamento no corpo", afirmou o delegado Adilson Sitiguivits, chefe do SIG (Serviço de Investigações Gerais), em entrevista ao Dourados Agora.

Um laudo aponta que a transexual teve parada cardiorrespiratória. O corpo da vítima foi encontrado dentro do seu próprio carro, um Honda Fit, na última sexta-feira, na área central de Dourados. O veículo estava em frente a uma construção, na rua Dr. Nelson de Araújo.

Segundo o delegado, a jovem tinha um envolvimento com um rapaz de 20 anos, morador no Jardim Tropical. A investigação chegou até ele após rastrear o último telefonema feito para o celular de Marcelly.

O jovem disse que contratou um programa e a transexual foi até a sua casa. Ela começou a ter convulsões e o cliente a colocou no carro. Segundo o rapaz, a intenção era levá-la ao hospital. No entanto, abandonou o veículo ao ver que Marcelly tinha morrido.

Por não prestar socorro e não acionar autoridades competentes, o jovem poderá responder por omissão de socorro.

 

Homens invadem casa, rendem casal e roubam carro "encomendado"
Casal que assistia em casa o jogo da seleção brasileira, foi surpreendido e rendido por trio armado, por volta de 20h30 de ontem (28) em Amambai, dis...
Buscas por menina que caiu de embarcação em rio entram no 12º dia
Desaparecida desde a tarde de 17 de março, o corpo da menina de 11 anos que caiu de uma embarcação no rio Aquidauana, não foi localizado até a manhã ...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions