ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUINTA  23    CAMPO GRANDE 25º

Interior

Partes do corpo de jogador são encontradas em rio, depois de quase uma semana

Hugo Vinícius Pedrosa sumiu no dia 25, após sair de festa, no Paraguai; polícia investiga crime passional

Bruna Marques | 02/07/2023 16:26
Hugo Vinícius Skulny Pedrosa estava desaparecido desde domingo (25). (Foto: Reprodução/Redes Sociais)
Hugo Vinícius Skulny Pedrosa estava desaparecido desde domingo (25). (Foto: Reprodução/Redes Sociais)

O corpo do jogador de futebol Hugo Vinícius Skulny Pedrosa, de 19 anos, foi encontrado neste domingo (2), no Rio Iguatemi, em Sete Quedas, distante 468 quilômetros de Campo Grande. O jovem estava desaparecido desde a madrugada do dia 25 de junho. A Polícia Civil informou que ele foi assassinado e, preliminarmente, a motivação do crime seria passional.

De acordo com o site Fronteira Agora Notícias, durante diligências das Polícias Civil, Militar, Corpo de Bombeiros e Defron (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes de Fronteira), encontraram o corpo do jovem nas proximidades do rio.

Ao Campo Grande News, a delegada Lucelia Constantino de Oliveira, titular da PC de Sete Quedas, disse que foram encontradas partes do corpo do rapaz. "A cabeça não foi achada, só quadril, tronco e coxa [parte da perna]".

Segundo a delegada, a principal linha de investigação é crime passional, mas nomes de suspeitos ainda não foram revelados para não comprometer o trabalho da polícia.

A família de Hugo já foi informada que o corpo do rapaz foi localizado. Muito abalada, a mãe do jovem, Eliana Skulny, lamentou a morte do filho. "Acharam ele morto no Rio Iguatemi, cortaram os pedaços dele. Tamanha crueldade do mundo, meu Deus, meu filho era um menino bom", disse.

O jogador desapareceu após sair de festa em um posto de combustível na cidade de Pintoty, no Paraguai, que faz fronteira com o Brasil, na madrugada de domingo (25). Segundo a mãe, as últimas pessoas a verem o rapaz foram seus amigos que deram carona até a casa da ex-namorada.

O corpo do jovem será encaminhado ao Imol (Instituto de Medicina e Odontologia Legal) para exames necroscópicos em Ponta Porã.

Nos siga no Google Notícias