ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, TERÇA  09    CAMPO GRANDE 12º

Interior

Pistoleiros executam mecânico e são presos em perseguição e cerco policial

Dupla matou Alexis Fernandez no centro de Pedro Juan Caballero e foi capturada minutos depois

Por Helio de Freitas, de Dourados | 06/05/2022 11:56


Fato raro na fronteira do Paraguai com Mato Grosso do Sul. Dois pistoleiros foram presos em flagrante na manhã desta sexta-feira (6) minutos depois de executarem uma pessoa no centro de Pedro Juan Caballero, cidade separada por uma rua de Ponta Porã, a 313 km de Campo Grande.

Os dois estavam de moto e foram perseguidos por homens da Polícia Nacional. Em um bairro perto do centro, os dois foram cercados e presos (vídeo acima).

A vítima foi o mecânico de motos Alexis Fernandez, 40, o “Ale Paredes”. Alvejado por vários tiros de pistola 9 milímetros, ele chegou a ser colocado na carroceria da caminhonete da Polícia Nacional para ser socorrido, mas morreu em seguida.

O médico forense César González informou que Alexis Fernandez foi atingido por oito tiros, na cabeça, no pescoço, no ombro e na barriga.

Os atiradores foram identificados como Luiz Miguel Cabrera Benitez, 26, e Pablo Alberto Vazquez Jara, 29, os dois moradores em Pedro Juan Caballero. A arma do crime, uma pistola 9 milímetros, foi apreendida. A moto foi encontrada abandonada no mato.

Vítima de pistoleiros morreu na carroceria de viatura quando era socorrido. (Foto: Direto das Ruas)
Vítima de pistoleiros morreu na carroceria de viatura quando era socorrido. (Foto: Direto das Ruas)


Nos siga no Google Notícias