A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 21 de Outubro de 2019

23/09/2019 10:38

Polícia abre inquérito para investigar estupro de criança morta engasgada

Médico constatou fissura anal em menino de um ano de idade; inquérito será conduzido pela 2ª Delegacia de Polícia Civil

Helio de Freitas, de Dourados
Viatura da Polícia Civil em frente ao hospital onde criança morreu no sábado à noite (Foto: Adilson Domingos)Viatura da Polícia Civil em frente ao hospital onde criança morreu no sábado à noite (Foto: Adilson Domingos)

Foi instaurado na manhã desta segunda-feira (23) o inquérito policial que vai investigar suspeita de estupro do menino de um ano de idade que morreu na noite de sábado no Hospital da Cassems (Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul) em Dourados, a 233 km de Campo Grande.

A investigação será conduzida pelo delegado Francis Flávio Tadano Araújo Freire, da 2ª Delegacia de Polícia Civil, responsável pela área onde a criança morreu após se engasgar em casa. Durante exame, o médico constatou fissura anal no bebê e acionou a polícia.

Os pais da criança, todas as outras pessoas que tinham contato com o menino e os profissionais de saúde que fizeram o atendimento serão intimados para prestar depoimento. A polícia também aguarda os laudos sobre a causa da morte e a suspeita de estupro.

A reportagem apurou que o ferimento já estava na fase de cicatrização e o abuso não teve relação com a morte da criança. Em desespero com a morte do filho, os pais foram informados ainda no hospital sobre a suspeita de estupro e que a polícia seria avisada. Uma equipe foi ao hospital ainda na noite de sábado, para registrar a ocorrência.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions