A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 25 de Março de 2017

30/03/2012 15:57

Ponte sobre o rio Miranda, na Estrada Parque, será entregue 4ª ao governo

Nadyenka Castro

Construtora responsável pela obra faz o acabamento. Investimento foi de R$ 16.494 milhões

A ponte é a primeira em concreto da Estrada Parque. (Foto: Divulgação)A ponte é a primeira em concreto da Estrada Parque. (Foto: Divulgação)

Construída para acabar com os transtornos causados pelas enchentes e também pelos danos na antiga estrutura de madeira, a ponte de concreto sobre o rio Miranda, na Estrada Parque, MS-184, em Corumbá, a 419 quilômetros de Campo Grande, já está pronta.

A Cowan, construtora responsável, entrega a obra ao governo do Estado na próxima quarta-feira (4). Cabe à administração estadual agendar a inauguração e liberar o local para o tráfego.

De acordo com o engenheiro da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul), Edvaldo Aquino Pereira, agora, quase dois anos após o início da obra, a construtora está fazendo apenas o trabalho de acabamento, como a terraplanagem nas cabeceiras da ponte, pintura e limpeza.

O engenheiro explica que a ponte de 240 metros começou a ser construída em 28 de abril de 2010, mas, os trabalhos ficaram parados por três meses. “Por 90 dias ficou parada. A cheia rompeu duas pontes e o trabalho ficou inviável”, lembra Edvaldo. “Isso foi de 1º de abril de 2011 a 1º de julho”.

Por conta deste trimestre parado, a obra, que estava inicialmente prevista para ficar pronta em janeiro deste ano, só foi concluída agora.

A ponte - Do local conhecido como Buraco das Piranhas, na BR-262, à ponte, que fica na região do Passo do Lontra, são oito quilômetros cascalhados. A estrutura tem 240 metros de extensão, é pavimentada, tem 10,8 metros de largura e 13 metros de altura. “O nível máximo de cheia registrado é de oito metros. A ponte tem cinco a mais”, diz o engenheiro.

A altura da nova ponte também permitirá a passagem de embarcações cujo tráfego é inviável hoje. A altura para navegação foi exigência da Marinha do Brasil.

Ponte já está pronta. Construtora só faz os últimos reparos. (Foto: Divulgação)Ponte já está pronta. Construtora só faz os últimos reparos. (Foto: Divulgação)

A estrutura, de concreto armado com balanço suspensivo, substitui a antiga ponte de madeira que constantemente necessitava de reparos, sobretudo, após os períodos de chuva.

O engenheiro explica que esta é a primeira ponte no Estado com balanço suspensivo, que é o tipo de construção utilizada.

O balanço suspensivo é especialmente usado para pontes e viadutos com grandes vãos, no caso desta, de 100 metros de largura de margem a margem. “As aduelas foram montadas de três a três e vai se encaixando por si só, sem a necessidade de sustentação”. O resultado é um grande ‘vazio’

Os investimentos foram de R$ 16 milhões, sendo R$ 8 milhões do Ministério do Turismo e R$ 8 milhões do Governo do Estado.

MS-184- A Estrada Parque tem extensão total de 120 quilômetros e esta é a principal ponte da região. Outras 100 existem no local, que percorre locais como Passo do Lontra, Curva do Leque, Porto Manga até Ladário.

Policiais se disfarçam de vendedores e prendem assaltante de relojoaria
A PM (Polícia Militar) prendeu nesta sexta-feira (24) em Dourados - que fica a 233 km da Capital - um rapaz suspeito de participar de dois assaltos a...
Prefeitura abre sindicância para apurar convênio com universitários
Foi aberta uma sindicância pela prefeitura de Rio Brilhante - cidade localizada a 163 km de Campo Grande - para inspecionar o convênio feito entre o ...



parabens governador Andre Puccineli, quantas vezes passei neste local com esta ponte interditada, pagando balsas ou dando a volta pelo porto da manga....este é um grande beneficio nao só para os Pantanerios mas a todos que passam para ver esta grande natureza que só nós temos que é o Pantanal... um abraço...
 
Reginaldo Garcia em 30/03/2012 06:56:15
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions