A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 11 de Dezembro de 2019

11/11/2019 17:41

Por fim de impasse, audiência busca conciliação em relação ao antigo Cine Anache

Ideia é resolver problemática entre interessados diretos e recuperar espaço que “tem plenas condições de ser restabelecido"

Liniker Ribeiro
Audiência de conciliação realizada na última sexta-feira (Foto: Divulgação)Audiência de conciliação realizada na última sexta-feira (Foto: Divulgação)

A Justiça de Mato Grosso do Sul está determinada a dar fim à série de problemas que envolvem o prédio do antigo Cine Anache, marco na história de Corumbá, a 419 quilômetros da Capital. Uma audiência de conciliação, realizada na última sexta-feira (8), teve por objetivo impulsionar o andamento de processos de inventário relativos ao espaço.

Para o juiz Maurício Cleber Miglioranzi, coordenador do Cejusc (Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania), o intuito é chegar a um acordo que traga soluções para as partes envolvidas.

“A ideia é resolver, por meio da conciliação, uma problemática que afeta não só os interessados diretos, mas a comunidade local como um todo, haja vista a precariedade da estrutura do edifício Farjalla Anache, que já foi interditado pelo Município, mas tem plenas condições de ser restabelecido. Caso não haja uma solução consensual, uma das hipóteses é a alienação judicial”, explica Miglioranzi.

O encontro da última sexta marcou o encerramento 14ª Semana Nacional da Conciliação. Ainda segundo Maurício, um dos processos relacionados encontra-se atuando inventariante judicial, porém há diversas pendências relacionadas a outros processos, credores e herdeiros em outros processos.

Participaram da audiência o presidente da OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) de Corumbá, Roberto Lins; os procuradores do município de Corumbá, Marcelo Dantas e Diana Dayrell, os advogados representantes da Real Brasil, Carlos Eduardo Preza e Kayo Silva, e a mediadora judicial, Maha Hamie.

No encontro, os presentes firmaram compromisso da realização de nova audiência pública no prazo de 30 dias, com objetivo de reunir todos os interessados, a qual será conduzida pela inventariante judicial, Real Brasil Consultoria, a quem foi atribuído o encargo de relacionar os interessados e articular as medidas necessárias para regularização dos inventários.

O que era rápido, melhorou! Seja exclusivo, cadastre o telefone (67) 99981 9077 e receba as notícias mais lidas no Campo Grande News pelo seu WhastApp. Adicione na sua lista de contato, mande um "OI", e automaticamente você será cadastrado.

Campo Grande News - Lista Vip WhatsApp
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions