A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 18 de Agosto de 2018

21/03/2016 15:05

Por melhoria em acesso à aldeia, índios bloqueiam rodovia estadual

Helio de Freitas, de Dourados
Índios queimaram pneus e colocaram galhos em rodovia (Foto: Reprodução/TV RIT)Índios queimaram pneus e colocaram galhos em rodovia (Foto: Reprodução/TV RIT)

Índios da aldeia Panambizinho, no município de Dourados, a 233 km de Campo Grande, interditaram nesta segunda-feira (21) a MS-379, rodovia que liga a BR-163 ao distrito de Panambi. Eles queimaram pneus e colocaram galhos na estrada, em um ponto próximo ao núcleo urbano do distrito.

O protesto é para cobrar da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos de Mato Grosso do Sul) a manutenção de um trecho da mesma rodovia que dá acesso à aldeia de 1.240 hectares, homologada em 2004 pelo Ministério da Justiça.

Segundo os líderes do protesto, a rodovia está totalmente intransitável. A comunidade, formada por índios da etnia kaiowá, não recebe atendimento de saúde porque os carros da Sesai (Secretaria Especial de Saúde Indígena) não conseguem entrar na aldeia.

Os estudantes também estão perdendo aula porque a van que faz o transporte até as escolas de Dourados não consegue chegar à aldeia. Os índios prometem manter o protesto até a chegada de um representante da Agesul.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions