A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

09/02/2016 10:34

Secretaria espera exame que pode confirmar dois novos casos de H1N1

Caroline Maldonado

Após a morte do aposentado Ismar Mosciaro Gomes, 53 anos, a Secretaria Municipal de Saúde de Corumbá espera os resultados de exames que podem comprovar outros dois casos de Gripe A H1N1. Na semana passada, a secretaria informou que uma mulher morreu quarta-feira (3), com quadro infeccioso pulmonar e suspeita da doença. Não foi divulgado detalhe sobre o outro caso investigado.

Na última quinta-feira (4), exame descartou a possibilidade de morte por H1N1 de Oderlei Ribeiro dos Santos, 37 anos, falecido na segunda-feira (1º) com suspeita da doença. O resultado deu indícios de hantavírus ou leptospirose. O hantavírus tem os mesmos sintomas da Gripe A e o problema respiratório que a doença gera é severo. 

Nota da Secretaria de Saúde do Estado de Mato Grosso do Sul, divulgada pelo jornal Diário Corumbaense, destaca que o Estado já registrou 18 casos suspeitos da doença. Além da morte confirmada por Gripe A, 15 suspeitas foram descartadas.

A SES alerta para que as pessoas que tenham os sintomas procurem imediatamente atendimento médico, pois isso pode garantir o efeito positivo dos medicamentos contra a doença. A secretaria garante que todos os casos suspeitos são companhados tanto pela vigilância epidemiológica municipal de Corumbá, quanto pela vigilância epidemiológica estadual e Lacen (Laboratório Central de Saúde Pública).

“Iniciando o tratamento oportuno, promovemos uma remissão considerável dos sintomas em menos de 24hs (isso para pacientes que atendam o critério estabelecido pelo Ministério da Saúde e que consta no Protocolo de Tratamento de Influenza)”, diz a nota.

Sintomas - Quem contrai a doença tem febre acima de 38ºC, tosse e dificuldade respiratória, acompanhada ou não de dor de garganta e manifestações gastrointestinais, dor de cabeça, dores musculares, nas articulações e tosse. A febre ocorre em 92% dos casos confirmados. O doente deve evitar a automedicação e procurar um médico. 



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions