ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, SEGUNDA  17    CAMPO GRANDE 28º

Interior

Servidor público é indiciado por assediar sexualmente estagiárias

Homem de 56 anos foi denunciado por tentar beijar à força e passar a mão nas três vítimas

Por Ana Paula Chuva | 07/05/2024 16:25
Letreiro com a frase "Eu amo Ivinhema", cidade onde crime aconteceu (Foto: Reprodução | Facebook)
Letreiro com a frase "Eu amo Ivinhema", cidade onde crime aconteceu (Foto: Reprodução | Facebook)

Servidor público de 56 anos foi denunciado por importunar e assedias sexualmente três estagiárias. O caso aconteceu em Ivinhema, cidade a 289 quilômetros de Campo Grande. O homem é acusado de passar as mãos nos corpos das vítimas e tentar beijá-las à força. Ele foi indiciado pela Polícia Civil.

De acordo com as informações, o caso aconteceu dentro da repartição que o servidor era chefe. As vítimas foram ouvidas e confirmaram que o homem as constrangia com questionamentos íntimos e aproximações “inadequadas”, além de fazer ligações e enviar mensagens fora do horário de expediente.

A denúncia chegou até a Delegacia de Ivinhema pelo MPMS (Ministério Público de Mato Grosso do Sul) e então passou a investigar o caso. Em depoimento, as três moças afirmaram que o chefe passava as mãos em suas pernas, cabelos, costas e cintura. Tentava dar beijos em suas bocas e pescoços e elas tinham medo de ficar sozinhas com ele.

Outras testemunhas foram ouvidas e confirmaram os assédios. Com isso, o servidor foi indiciado por assédio e importunação sexual contra as três meninas. O caso segue sendo investigado.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias