A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 21 de Novembro de 2017

26/02/2014 07:11

Soldado da PM atropela criança, foge, quebra posto de saúde e é preso

Aliny Mary Dias

Um soldado da Polícia Militar de 31 anos foi detido durante a madrugada desta quarta-feira (26) depois de pilotar uma moto sem capacete, atropelar uma criança, fugir e quebrar móveis do posto de saúde do Centro de Três Lagoas, distante 338 quilômetros da Capital.

De acordo com o boletim de ocorrência, Luiz Carlos Queiroz Gomes se envolveu no acidente ocorrido por volta das 20h30 de ontem. Ele pilotava uma moto preta e estava sem capacete. A criança, que não teve a idade divulgada, ficou ferida e o soldado fugiu.

Horas depois do acidente, o soldado procurou a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Centro, pois sofreu um corte no pé em decorrência do acidente. Dizendo que havia cortado o membro com uma enxada, o PM ficou revoltado no posto de saúde, destratou os atendentes e chutou várias cadeiras.

A Polícia Militar foi chamada e os militares começaram a desconfiar do nervosismo do soldado. Foi então que os policiais descobriram que Luiz tinha as mesmas características do motociclista envolvido no acidente.

Ainda conforme o registro da ocorrência, quando perguntando sobre o motivo do corte no pé, Luiz deu várias versões e não soube explicar o motivo das escoriações pelo corpo. O soldado foi levado até o posto policial e a mãe da criança vítima do atropelamento identificou Luiz. No entanto, a moto usada pelo soldado não foi encontrada pela polícia.

Luiz foi levado até a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) de Três Lagoas e há indícios de que ele estava bêbado. O caso foi registrado como conduzir veículo em razão de álcool ou outra substância e lesão corporal culposa. A Polícia Civil investiga o caso. 

Brasileiro é morto a tiros em estrada vicinal de Pedro Juan Caballero
O brasileiro identificado como Fabio Pedrosa Gomes de Araujo foi encontrado morto, na noite de ontem (20), em uma estrada vicinal do país vizinho, o ...
Homem de 41 anos é morto a facadas por desentediamento com amigo
Roberto Dias de Oliveira, 41, morreu na noite de ontem (20) após ser esfaqueado por um colega, de 45 anos, durante uma briga. Caso aconteceu por volt...


Tem que ser expulso da corporação e ficar preso por um tempo pra esfriar a cabecinha. Mas que palhaço, esta é a nossa policia, a proteção do cidadão brasileiro. O exame psicológico da PM tem que ser mais rígido no ato de admitir os policiais.
 
maximiliano rodrigo antonio nahas em 26/02/2014 10:29:18
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions