A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

19/07/2016 19:14

USP confirma tremor de terra de magnitude 2 na escala Richter

Fernanda Yafusso e Helio de Freitas, de Dourados
Registro do tremor em Dourados - o 11º de cima para baixo (Foto: reprodução / internet)Registro do tremor em Dourados - o 11º de cima para baixo (Foto: reprodução / internet)

O Centro de Sismologia da USP (Universidade São Paulo) confirmou, na noite desta terça-feira (19), o tremor de terra sentido ontem em Dourados - a 233 quilômetros da Capital. De acordo com o Centro, o abalo de magnitude 2 na escala Ritcher foi registrado na estação do município de Antônio João.

Segundo o professor Marcelo Assumpção, do Centro de Sismologia da USP, houve um registro na estação de Antônio João, instalada recentemente, um leve tremor de terra com magnitude 2 na escala Richter às 18hs07, horário local.

"A distância epicentral, de 100 a 120 km, é compatível com o tremor sentido em Dourados ontem. O registro está bem fraco e não é possível distinguir entre um tremor de terra natural e uma vibração provocada por alguma detonação. Nas próximas semanas visitaremos as outras estações de Mato Grosso do Sul para coletar os dados armazenados localmente e poderemos ter mais informações".

Tremor - Um tremor de terra foi sentido por alguns moradores de Dourados por volta das 19h da última segunda-feira (18), assustando algumas pessoas, que chegaram a acionar o Corpo de Bombeiros. Nos Bombeiros, duas ligações da região da Vila Rosa foram recebidas, relatando o tremor.

Apesar disso, não há informações de edificações danificadas na cidade por causa deste incidente. Os tremores foram sentidos também na região do Parque do Lago, Jardim Caramuru, Água Boa, Jardim Mônaco e do distrito de Picadinha, além do campus II da UFGD (Universidade Federal da Grande Dourados).

Publicações de moradores nas redes sociais afirmaram que o tremor durou cerca de 1 segundo e aconteceu logo após um forte estrondo - semelhante ao que aconteceu recentemente em Coxim, quando algumas pessoas relataram tremores de terra, estes causados pela explosão em uma pedreira, para obras na BR-163.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions