A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

19/10/2009 13:03

Juiz multou advogado de acusado por acidente na Via Park

Redação

O juiz da 1ª Vara do Tribunal do Júri, Carlos Alberto Garcete, multou em 10 salários mínimos o advogado Carlos Magno Couto, que defende Anastácio da Silva Yarzon Ortiz, 19 anos, acusado de homicídio doloso pelo acidente que matou dois e feriu quatro jovens na Via Park, em Campo Grande.

Couto faltou a audiência e foi multado com base no Código do Processo Penal. Ele alegou que estava viajando para não comparecer a audiência prevista para as 14h30 do dia 9 deste mês. A medida poderia levar o magistrado a cancelar a audiência e realizá-la em nova data.

No entanto, conforme a ata da audiência, Garcete manteve os depoimentos dos pais dos jovens mortos e feridos no tragédia. Ele determinou que a Defensoria Pública assumisse a defesa de Ortiz, mas a defensora se negou a comparecer porque tem ordens de não representar casos em que existe advogado constituído.

O juiz acabou constituindo o advogado Wendell Lima Lopes, que receberá R$ 400 pela defesa do acusado. Garcete justificou a multa, alegando que a medida causa desprestígio à Justiça e prejuízo até ao próprio acusado.

A próxima audiência será em 8 de fevereiro de 2010. Ortiz é acusado de causar o acidente porque estava embriagado, sem habilitação, não respeitou a sinalização de parada obrigatória e estava em alta velocidade.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions