A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

30/11/2009 09:24

Julgamento de Neide estava previsto para fevereiro

Redação

O julgamento da ex-médica Neide Mota Machado estava previsto para entrar na pauta de julgamento em fevereiro de 2010, segundo informou o juiz da 2ª Vara do Júri, Aluízio Pereira dos Santos, que preside o caso.

Neide seria julgada pelo crime de 25 abortos. Além dela, o juiz pronunciou ainda outras quatro profissionais que trabalhavam na clínica de Planejamento Familiar de Neide, que funcionava no bairro Amambai, em Campo Grande.

Foram denunciadas as enfermeiras Libertina de Jesus Centurion, Maria Nelma de Souza, Rosangela de Almeida e a psicóloga Simone Aparecida Cantaguessi de Souza. As quatro devem ir a julgamento em fevereiro.

Segundo Aluízio Pereira, as profissionais serão julgadas pelo grau de responsabilidade de cada uma. A pena prevista pelo crime é de um a três anos de prisão para cada crime cometido.

O juiz explica que com a morte da ex-médica a ação contra ela fica extinta de punibilidade, mas o processo contra as demais acusadas continua em andamento normalmente.

Aluízio informou que todos os acusados tentam evitar o julgamento e recorreram ao STJ (Superior Tribunal de Justiça). Outros recursos impetrados junto ao TJMS (Tribunal de Justiça) foram negados e o processo foi devolvido à 2ª Vara do Tribunal do Júri no ultimo dia 18.

Mega-Sena acumula e prêmio no sábado pode chegar a R$ 39 milhões
A Mega-Sena mais uma vez ficou sem vencer na noite desta quarta-feira (13) e, assim, acumulou. O prêmio pode subir para R$ 39 milhões no sorteio do p...
Chuva intensa de meteoros terá pico na madrugada de quinta-feira
A chuva de meteoros Geminídeos – uma das mais intensas e brilhantes do ano – vai ocorrer durante a noite de hoje (13) e a madrugada de amanhã (14) e ...
STF tem maioria a favor de delação negociada pela Polícia Federal
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (13) maioria para manter a autorização legal para que a Polícia Federal (PF) possa negociar delações pre...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions