A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

27/01/2010 13:15

Leitores mostram indignação com corte de mata no Parque

Redação

Leitores do Campo Grande News mostraram indignação com a derrubada de parte da mata no Parque dos Poderes para a construção de uma nova sede da Justiça Federal de Mato Grosso do Sul. A matéria, veiculada na tarde de ontem, mostra que além desta, outras obras comprometem o futuro da reserva ecológica e mudam o visual de um dos pontos verdes da Capital.

Segundo o leitor Marcus Vinicius Costa, a cena causa tristeza. "Ontem passei em frente a este local e me senti muito triste, pois aos poucos vão acabando com a mata do Parque com uma coisa que poderia ser melhor planejada".

Marlene Lopes também se ressente com a derrubada das árvores. "Nasci e cresci nessa região há 43 anos e vejo com grande tristeza essa devastação. No final do ano presenciei uma das cenas mais tristes da minha vida: a derrubada de uma árvore centenária na entrada do Parque dos Poderes. Como pode termos tantos órgãos de proteção ambiental e ainda continuar vendo essas cenas?", desabafa a leitora.

Para Marilza Morais, "Quem deveria servir de exemplo simplesmente nos envergonha". Já Raul Lopes profetiza o que pode acontecer com o futuro do Parque: "Querem construir ali por causa da natureza, mas em 5 anos não haverá mais natureza..."

A derrubada de uma grande área verde foi denunciada ontem por servidores que trabalham no Parque. A derrubada de parte da mata característica do local para as obras de construção do novo prédio da Justiça Federal de Mato Grosso do Sul começaram no sábado passado.

O prédio será construído em um amplo terreno localizado na esquina da Rua Carlos Bastos de Oliveira com a Avenida Leão Neto do Carmo, ao lado da área de proteção permanente. A obra está autorizada desde 23 de maio. Procurada, a Justiça Federal não forneceu mais detalhes sobre a obra.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions