A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

03/08/2014 21:45

Líder indígena pede apoio da população para seu povo

Flávia Villela (Agência Brasil)

A última mesa da Feira Literária Internacional de Paraty (Flip), que terminou neste domingo (3), foi marcada por um apelo do líder yanomami Davi Kopenawa ao público para que dê apoio a seu povo.

"Peço a vocês que protejam o povo Yanomami. Os fazendeiros têm muito dinheiro para matar o índio”, disse Kopenawa, um dos convidados da 12ª Flip. Kopenawa acusou o governo de Roraima de ser conivente com "os que ameaçam os líderes que lutam pelos direitos dos índios no país”.

O indígena, que foi recentemente ameaçado de morte, citou o ambientalista Chico Mendes, assassinado em 1988, como exemplo da impunidade dos autores desse tipo de crime, que ocorre na região há décadas. “O meu amigo já morreu. Os fazendeiros já mataram ele”, lamentou.

Ainda de acordo com Kapeawa, os garimpeiros que o ameaçaram continuam fazendo garimpo ilegal em terras indígenas e destruindo a natureza. “A Floresta Amazônica nos protege e é fundamental para que todos possamos viver em paz. Sem índio, nosso mundo não vai funcionar bem. Por isso, estou aqui para entrar no pensamento de vocês”, enfatizou o índio, que foi aplaudido de pé pela plateia e pelos autores presentes na mesa de encerramento, dedicada a livros de cabeceira de alguns dos escritores convidados do evento.

Fundação de Cultura promove oficina de aperfeiçoamento em Trabalhos Manuais
A Fundação de Cultura de Mato Grosso do Sul realiza em Terenos, em duas etapas (4 a 8 e 25 a 29 de agosto) a Oficina de Aperfeiçoamento de Trabalhos ...
Fundação de Cultura promove seleção de espetáculos para o Circuito Dança no Mato
A Fundação de Cultura do Governo de Mato Grosso do Sul publicou no dia 4 de julho, no Diário Oficial do Estado, o edital de seleção de espetáculos pa...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions