A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

31/12/2009 10:11

Lombadas eletrônicas começam a multar dia 2 em Dourados

Redação

Dez das 40 lombadas eletrônicas instaladas nos últimos dois meses em Dourados começam a multar no próximo sábado, dia 2. Os equipamentos liberados pelo Detran já foram aferidos pelo Inmetro e vão emitir multa em caso de desrespeito ao limite de velocidade de 30 km por hora. As lombadas registram a velocidade de carros e motos.

As multas chegaram a começar a ser emitidas no início deste mês em três locais da cidade, mas os condutores e a prefeitura reclamaram da falta de uma campanha de conscientização sobre os equipamentos, já que as lombadas eletrônicas estavam desativadas há quatro anos. No dia 10 de dezembro o governador André Puccinelli (PMDB) mandou o Detran cancelar todas as notificações já emitidas e começar a multar apenas no dia 2 de janeiro.

O diretor de Trânsito da prefeitura, Osmar Farias Borba, disse que as multas começam a valer nos equipamentos instalados na Avenida Marcelino Pires em frente ao terminal rodoviário e à antiga Feira do Produtor; rua Coronel Ponciano em frente ao Estádio Douradão; Avenida Weimar Torres em frente à escola Menodora Fialho de Figueiredo e perto do Ferro Velho Ouro Verde; rua Hayel Bon Faker entre as antigas W-6 e W-7; rua José Roberto Teixeira em frente à Seleta; Avenida Indaiá, próximo ao Clube Indaiá; Avenida Guaicurus em frente à sede regional do Crea (Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia) e na Avenida Presidente Vargas em frente à escola Pedro Palhano, na saída para Itaporã.

Pelo menos outras 30 lombadas eletrônicas serão instaladas em Dourados até fevereiro. O serviço é explorado pela empresa paranaense Perkons S/A. Após a instalação, os equipamentos passam por aferição do Inmetro e 30 dias depois começam a emitir a multa.

Clientes de banco podem renegociar dívidas no "Caminhão do Quita Fácil"
A partir de segunda-feira (18), clientes das agências da Caixa de Campo Grande terão a possibilidade de renegociar suas dívidas atrasadas há mais de ...
Acordo entre poupadores e bancos vai beneficiar 30% dos que entraram na Justiça
Das 10 milhões de pessoas que entraram na Justiça por perdas no rendimento de cadernetas de poupança, apenas cerca de 3 milhões serão beneficiadas, s...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions