A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

25/03/2010 15:09

Mães e filhos esperam 45 minutos em pé por vacinação

Redação

Fernanda Araújo, de 26 anos, carrega no colo uma filha de um ano e dois meses e segura pela mão a mais velha, de quase três. A espera incomoda. São mais de 45 minutos em pé, compartilhando uma fila de espera no Posto de Saúde do Bairro Tiradentes com outras mães, idosos, portadores de doenças crônicas até receber a vacina contra a influenza A (H1N1).

Na segunda etapa de vacinação contra a gripe suína, postos lotados e stress tornaram-se uma constante. Na unidade do Tiradentes, a vacinação, que deveria recomeçar no período vespertino às 13 horas, só foi retomada às 14h15.

"Ninguém fala nada. E hoje em dia, se a gente reclama de qualquer coisa, eles já vão logo chamando os guardas municipais", desabafa a Ivone Delgado, de 70 anos. Diabética, a idosa também esperou na fila por mais de 40 minutos depois que o serviço foi retomado.

Cerca de 40 pessoas esperavam na fila para serem vacinadas. A maioria, mães com os filhos no colo. A espera, segundo funcionários do posto que não quiseram se identificar, já é rotina. "A espera é de meia hora mesmo.

Carro roubado no Rio de Janeiro é recuperado em estrada de acesso ao Paraguai
Um automóvel recentemente roubado no Rio de Janeiro foi recuperado por policiais militares em uma estrada vicinal de Japorã –a 487 km de Campo Grande...
Recesso de fim de ano começa nesta semana no Judiciário e Legislativo
Na reta final de 2017, para alguns servidores a "folguinha" das festas começa mais cedo. Em orgãos Estaduais e Federais de Mato Grosso do Sul, tem re...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions