A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 10 de Dezembro de 2017

09/04/2012 08:32

Maioria reprova bafômetro e exame como provas únicas de embriaguez ao volante

Fabiano Arruda

A maioria dos leitores do Campo Grande News, que participaram de enquete na última semana, reprovaram o uso do bafômetro e o exame de sangue como provas únicas para comprovar embriaguez ao volante.

A decisão recente foi do STJ (Superior Tribunal de Justiça), o que causou polêmica sob a justificativa de enfraquecer a fiscalização à Lei Seca, já que, constitucionalmente, o condutor não é obrigado a passar pelo teste para não produzir provas contra si.

Do resultado total 60,45% dos leitores disseram não concordar com a decisão, enquanto 39,55% opinaram “sim”.

A nova enquete do site quer saber: “Vai surtir efeito a lei estadual que prevê multa de mais de R$ 8 mil para quem vende bebida a menores de 18 anos?”.

No dia 26 de março último, o governador André Puccinelli (PMDB) sancionou lei que proíbe a venda, oferta, fornecimento, entrega e permissão de consumo de bebida alcoólica aos menores de dezoito anos em Mato Grosso do Sul.

Embora a proibição já exista nO ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente), que considerada crime vender bebida a quem tem menos de 18 anos, a legislação sancionada hoje traz novas obrigações aos comerciantes de bebida, estabelece multa de até R$ 8 mil para quem descumprir a determinação.

Câmara vota este mês projeto para endurecer a Lei Seca
Projeto quer que motoristas tenham a prerrogativa de se negar a fazer o teste para ficar livre de um processo judicial.A decisão recente do Superior...
Só bafômetro e exame de sangue podem comprovar embriaguez ao trânsito, diz STJ
Brasília – A Terceira Seção do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu que o bafômetro e o exame de sangue são os únicos meios que podem provar em...
Câmara de Vereadores entrega meio milhão de reais em emendas parlamentares
A Câmara Municipal de Costa Rica, a 305 quilômetros de Campo Grande, realiza nesta segunda-feira (dia 11) três sessões, duas delas especiais. Às 14h ...


Como pode?? Comerciantes não podem vender bebidas a menores de 18 anos, certo. Porém um maior de idade pode comprar bebidas e dar ao menor, e ainda pior saem dirigindo embriagados e estes se recusam a fazer teste de bafômetro e de sangue, porque não pode produzir provas contra si. Como é hipócrita este nosso país e principalmente os que fazem a lei!!!
 
Milene Silva em 09/04/2012 12:56:05
Em alguns momentos essa democracia me dá nojo... Na minha opinião, o indivíduo que enche a cara de cachaça teria obrigação de fazer o uso do bafômetro e que, se recusar teria de ser encaminhado à delegacia como embriagado ao volante, ou a vida é menos importante que isso. O que acontece é que os filhos dos "caras" tomam cachaça e, não é pouco.
 
Ivan Carlos em 09/04/2012 10:40:42
Filhos nem que isso signifique levar umas pancadas quando estão irredutiveis e inflexiveis. Eu passo muita vergonha na rua vendo pessoas abaixo dos 50 anos de idade dando verdadeiros barracos aos berros gritando que está correto e o outro errado. Me perdoem. Isso interessa a alguém com certeza. Midia acorde,.
 
Carlos Roberto em 09/04/2012 05:16:45
Engraçado. Deixar as meninas peldinha na rua, Cocaina, Maconha, Pasta Básica de Coca, alucinógenos diversos podem. Será que eu estou entendendo direito? O Cidadão de bem e respeitador das regras deve ser beneficiado e não punido. Eu ainda não acredito que a maioria ainda se deixa levr pela mídia que está a serviço dos grandes (todo tipo de grande, entende?). Permitam que os Pais possam educar seus
 
Carlos Roberto. em 09/04/2012 05:15:20
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions