A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 20 de Setembro de 2018

13/12/2013 21:07

Marisa Serrano toma posse na Academia Sul-Mato-Grossense de Letras

Vinícius Squinelo
Evento teve a presença de diversas autoridades (foto: divulgação)Evento teve a presença de diversas autoridades (foto: divulgação)

A conselheira Marisa Serrano tomou posse, na quinta-feira (12), da cadeira número 30 da Academia Sul-mato-grossense de Letras. A solenidade aconteceu às 20 horas no Buffet Espaço “D”, em Campo Grande, oportunidade em que a conselheira recebeu saudação solene em nome da Academia pelo acadêmico Leal de Queiroz. Em seu discurso ela afirmou que sentia “um misto de orgulho e surpresa ver meu nome e a trajetória de minha vida inscritas nesta Casa”.

Um grande número de pessoas e autoridades prestigiou o evento que contou com a presença do senador Rubens Figueiró; do presidente do Tribunal de Contas de Mato Grosso do Sul (TCE/MS), conselheiro Cícero de Souza; do deputado federal, Reinaldo Azambuja; dos deputados estaduais Márcio Monteiro e professor Rinaldo; da vereadora Carla Estefanine e o secretário Estadual de Cultura, Américo Calheiros, representando o governador André Puccinelli. Marcaram presença ainda os conselheiros do TCE/MS Iran Coelho e Ronaldo Chadid e os procuradores de Contas João Antônio de Oliveira Martins Júnior e Terto de Moraes Valente.

Bastante emocionada, a conselheira afirmou que “esta é uma Casa para guardar fragmentos da história, sentimentos transbordantes, olhares atentos, criações, talentos, mas também para abrigar os que contribuíram para a manifestação de tantos saberes. Acredito que esse tenha sido o toque que transformou uma sugestão em realidade”.

“Construir o caminho, escolhendo as veredas que acreditamos mais tranqüilas, nem sempre é a garantia de sucesso. Mas eu tenho que confessar, na minha caminhada, como na de Drummond, havia pedras no meio do caminho, algumas que julguei intransponíveis, mas a convergência de oportunidade com trabalho e tenacidade garantiram a passagem e consolidaram o futuro”, afirmou em seu discurso.

A acadêmica afirmou que muito jovem, fez uma escolha: “Fui em busca do conhecimento para fortalecer o espírito e adquirir ferramentas que me ajudassem a crescer, fazendo também com que outros crescessem junto. Encontrei na Educação a razão de luta e a convicção da esperança”.

Tendo como patrono Otávio Cunha Cavalcanti, a Cadeira 30 da ASL foi ocupada anteriormente por Hélio Serejo, que faleceu em 08/10/2007 aos 95 anos de idade, tendo deixado mais de 60 obras publicadas. Fundada em 30 de outubro de 1971, a Academia Sul-Mato-Grossense de Letras tem 40 cadeiras e atende, como referência cultural, a todos que buscam seus serviços, principalmente sua biblioteca e acadêmicos.

Marisa Joaquina Monteiro Serrano é autora de duas coleções de livros didáticos: Novos Rumos em Comunicação (Ed. do Brasil - SP) e Comunicação em Língua Portuguesa (Ed. Ática - SP). Foi Vereadora de Campo Grande (1977-1982), Deputada Federal (1995-1999/ 1999-2003), Vice-Prefeita de Campo Grande (2004-2006) e Senadora da República por MS (2007-2014).

Ela é formada em Letras pela Faculdade Dom Aquino de Filosofia, Ciências e Letras - Campo Grande/MS (1968) e Pedagogia pela Faculdade Dom Aquino de Filosofia, Ciências e Letras - Campo Grande/MS (1980). Ocupou, dentre outros cargos, os de Professora, Supervisora, Diretora de escola e Secretária de Educação do Mato Grosso do Sul.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions