A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

17/09/2010 21:33

Médico teria furtado remédio para se automedicar

Redação

Um médico clínico geral de 36 anos, plantonista do Hospital João Darci Bigaton, em Bonito, está sendo acusado pela Junta Interventora do estabelecimento de saúde de ter furtado um medicamento (dolantina) para se automedicar. Ele teria prescrito o remédio a um paciente, quando na verdade pegou para fazer uso próprio.

Conforme boletim de ocorrência registrado na Delegacia de Polícia Civil do município por uma pessoa integrante da Junta Interventora, durante reunião realizada hoje no hospital, os membros da junta foram procurados por uma equipe de plantonistas locais.

De acordo com os plantonistas, o médico havia feito o atendimento de um paciente e durante a consulta, teria se apropriado do remédio e prescrito o medicamento na receita do paciente.

Diante da informação a junta questionou o médico sobre o medicamento que não se encontrava no armário de emergência do hospital. Ele acionou seu advogado e saiu de táxi do local.

Na sala de triagem, segundo consta no boletim de ocorrência, foi encontrada uma ampola aberta de dolantina. O efeito do medicamento em pessoas que não estão sentindo dor causa alucinações mais fortes do que dez gramas de cocaína, por exemplo.

A reportagem do Campo Grande News entrou em contato com a Junta Interventora do hospital e recebeu a informação de que não é a primeira vez que o médico furta remédios para se automedicar. Em cidades como Dourados, Naviraí e algumas do Paraná e Minas Gerais, por onde passou, o clínico geral também usou dessa prática.

Contra ele correm processos no Ministério Público e no CRM/MS (Conselho Regional de Medicina de Mato Grosso do Sul).

Justiça do Trabalho faz acordos de R$ 6,5 milhões no Estado
A Justiça do Trabalho teve 355 acordos que somaram R$ 6.512.934,87 durante a Semana da Conciliação em Mato Grosso do Sul. Na iniciativa, realizada en...
Ministério da Saúde suspende incentivos da atenção básica em MS
O Ministério da Saúde suspendeu, nesta sexta-feira (15), repasse extra à atenção básica para sete municípios de Mato Grosso do Sul. Isso porque eles ...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions