A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

29/01/2013 19:15

MP recomenda que Unimed acabe com filiação obrigatória de médicos à entidades

Cooperativa obriga médicos a entrar em sindicato e associação

Nícholas Vasconcelos

O MPE (Ministério Público Estadual) recomendou que a Unimed Campo Grande deixe de exigir que os médicos associados sejam filiados junto à Associação Médica e ao Sinmed (Sindicato dos Médicos). A Cooperativa tem 60 dias para colocar a medida em prática, caso contrário será criada uma ação civil pública.

A promotora Daniela Cristina Guiotti, da 57ª Promotoria de Justiça, afirma que a obrigação de que os profissionais se filiem às entidades vão contra o artigo 5º e 8° da Constituição Federal. O primeiro diz que ninguém é obrigado a fazer coisa alguma se não for obrigado por Lei e que ninguém deverá ser obrigado ou permanecer associado. Já o segundo proíbe que se o cidadão seja obrigado a se sindicalizar.

A obrigatoriedade de pertencer as duas entidades de classe é apresentada no Estatuto e no Regimento Interno da Unimed.

Depois de informada oficialmente, a cooperativa deverá enviar ao MP os novos textos com as mudanças determinadas.

Mega-Sena acumula de novo e prêmio estimado sobe para R$ 43,5 milhões
Mais uma vez a Mega-Sena ficou sem vencedor na faixa principal e, com isso, a premiação acumulou e pode chegar a R$ 43,5 milhões no próximo concurso,...
Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...


Seria muito bom a ilustre representante do MP adotar o mesmo procedimento junto ao CRF já que lá também exige que o profissional seja obrigatoriamente filiado ao Sindicato.
 
Maria Angela em 29/01/2013 20:43:41
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions