A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

12/04/2012 15:49

MS terá mais de 2 mil casas na segunda etapa do “Minha Casa, Minha Vida”

Fabiano Arruda
Presidente Dilma, durante anúncio de nova etapa do programa Minha Casa, Minha Vida nesta quinta-feira. (Foto: Agência Brasil)Presidente Dilma, durante anúncio de nova etapa do programa "Minha Casa, Minha Vida" nesta quinta-feira. (Foto: Agência Brasil)

Das 2,4 milhões de unidas habitacionais que serão construídas até o fim de 2014, meta do programa “Minha Casa, Minha Vida 2”, Mato Grosso do Sul terá 2.197 casas, distribuídas em 53 municípios.

O anúncio da nova fase do programa foi feito nesta quinta-feira pela presidente Dilma Rousseff (PT).

Amambai, Anastácio, Anaurilândia, Angélica, Antônio João, Aquidauana, Aral Moreira, Bandeirantes, Bataguassu, Batayporã, Bela Vista, Bodoquena, Bonito, Camapuã, Caracol, Cassilândia, Coronel Sapucaia, Costa Rica, Coxim, Deodápolis, Dois Irmãos do Buriti, Douradina, Eldorado, Fátima do Sul, Guia Lopes da Laguna, Iguatemi, Inocência, Itaporã, Itaquiraí, Ivinhema, Japorã, Jaraguari, Jardim, Juti, Ladário, Laguna Carapã, Miranda, Mundo Novo, Nioaque, Nova Alvorada do Sul, Nova Andradina, Paranhos, Pedro Gomes, Porto Murtinho, Ribas do Rio Pardo, Rio Negro, Rio Verde de Mato Grosso, Selvíria, Sidrolândia, Sonora, Tacuru, Taquarussu e Terenos são as cidades que serão contempladas.

Na região Centro-Oeste, no entanto, o Estado recebeu o menor percentual de residências na segunda fase do programa. Goiás foi contemplado com 4,8 mil unidades e Mato Grosso com 4,1 mil.

O Nordeste é a região com municípios mais contemplados. Só na Bahia serão construídas 14,7 mil unidades habitacionais.

Programa - Segundo informações da Agência Brasil, o “Minha Casa, Minha Vida 2” vai beneficiar 2.582 municípios de até 50 mil habitantes e contará com investimento de R$ 2,8 bilhões para a construção de 107.348 unidades. Do total de municípios selecionados, 1.663 serão contemplados pela primeira vez pelo programa habitacional.

Nesta etapa, o Governo Federal fixou em R$ 25 mil o valor do subsídio a cada unidade habitacional em municípios com até 50 mil habitantes no âmbito da segunda fase do programa no caso de famílias com renda de até três salários mínimos, ao contrário da primeira fase, que se destinava à cidades com densidade populacional entre 50 mil a 100 mil habitantes.

Governo vai investir R$ 2,8 bilhões no Programa "Minha Casa, Minha Vida"
Brasília - A nova fase do Programa Minha Casa, Minha Vida vai beneficiar 2.582 municípios de até 50 mil habitantes e contará com investimento de R$ 2...
Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...


Resta saber se essas casas irão para a "mão" de quem. O que acontece muito é darem casas a pessoas que não necessitam, principalmente prometerem em ano de eleição.
 
Rodrigo Costa em 13/04/2012 02:13:23
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions