A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

11/04/2012 17:49

Nova etapa do “Minha Casa, Minha Vida” contempla 50 municípios de MS

Fabiano Arruda

A segunda etapa do programa “Minha Casa, Minha Vida”, do Governo Federal, que terá assinatura de convênios amanhã em Brasília (DF), vai contemplar 50 municípios de Mato Grosso do Sul.

Na manhã desta quarta-feira, o presidente da Assomasul (Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul), Jocelito Krug, juntamente com o secretário estadual de Habitação, Carlos Marun, e prefeitos do Estado contemplados com o programa, participaram de audiência na Câmara dos Deputados com representantes do Ministério da Habitação.

Krug destacou a manutenção de cidades beneficiadas no programa no Centro-Oeste, ao contrário de outras regiões do País.

Programa - Nesta etapa, conforme portaria publicada na edição de hoje do Diário Oficial da União, o Governo Federal fixou em R$ 25 mil o valor do subsídio a cada unidade habitacional em municípios com até 50 mil habitantes no âmbito da segunda fase do programa "Minha Casa, Minha Vida" no caso de famílias com renda de até três salários mínimos, ao contrário da primeira fase, que se destinava à cidades com densidade populacional entre 50 mil a 100 mil habitantes.

Segundo informações da Agência Brasil, desta vez, o programa faz uma compatibilização com as metas do Programa Brasil sem Miséria.

O presidente do Fórum de Secretários de Habitação de Mato Grosso do Sul, Carlos Marun, teme que o cancelamento do leilão em janeiro provoque retardo considerável nas obras, com reflexos sobre a economia local em muitos municípios, uma vez que muitos já haviam se programado para fazer as obras.

Ainda segundo informações da agência, ele avalia que, sendo 2012 um ano eleitoral os gestores municipais vão estar muito ocupados com o pleito, o que pode afetar o ritmo esperado para as construções.

A segunda etapa do programa prevê a contratação de 2 milhões de moradias até 2014, sendo 60% para famílias com renda mensal de até três salários mínimos. O número de casas, no entanto, pode chegar a 2,4 milhões.

Prefeito e governador assinam convênios do Minha Casa Minha Vida
O prefeito de Campo Grande, Nelson Trad Filho (PMDB), e o governador André Puccinelli (PMDB) têm dois compromissos públicos agendados para esta quart...
Mega-Sena acumula e prêmio no sábado pode chegar a R$ 39 milhões
A Mega-Sena mais uma vez ficou sem vencer na noite desta quarta-feira (13) e, assim, acumulou. O prêmio pode subir para R$ 39 milhões no sorteio do p...


Minha casa minha vida p/ até 3 salários minimos e´uma maravilha que DEUS abençoe.
Paralelo a isto a categoria de 4,5 e 6 sálarios pedem socorro por moradias. primeiro: a mordida do leão é grande. seg:perdem o incentivo do gov. terc: todo mundo quer morder por achar que ganha muito bem. RESULTADO: acaba comprando um terreno, construindo sem albits, submetendo a emprestimos, pagando altos juros.
 
jorge ferreira em 11/04/2012 10:03:48
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions