A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

25/11/2009 11:29

PC vai ouvir 4 sobre morte de idosa que caiu de prédio

Redação

Quatros pessoas serão ouvidas na próxima sexta-feira em inquérito que investiga a morte da idosa Idalina Scandiucci Alexandre, de 84 anos, que morreu na noite de sábado ao cair da janela do edifício Riviera, no centro de Campo Grande.

Segundo o delegado responsável pelo caso, Dimitri Henrique Palermo, ele deve convocar ainda hoje, a filha e o genro que estavam com idosa no dia do acidente. O porteiro que trabalhava naquela noite e uma quarta pessoa, também serão ouvidos.

Dimitri ressalta que a partir dos depoimentos, a Polícia vai poder confirmar se a queda de Idalina foi acidental.

O caso foi registrado como morte à esclarecer. Laudos da perícia feitas no local também devem auxiliar a investigação. A previsão é que o resultado saia em 10 dias.

"A princípio, o caso é tratado como morte acidental", diz o delegado.

Conforme informações da Polícia, Idalina sofria de Mal de Alzheimer e caiu de uma janela do apartamento no nono andar, que não possuía rede de proteção.

Com a queda, ela atravessou a cobertura da garagem do prédio e caiu sobre o teto de um veículo Honda Civic que estaca estacionado.

Governo altera datas de teste físico de concurso da Polícia Civil
Foram alteradas as datas para realização da avaliação de aptidão física dos candidatos que continuam a participar do conurso público para escrivão e ...
Mega-Sena acumula e prêmio no sábado pode chegar a R$ 39 milhões
A Mega-Sena mais uma vez ficou sem vencer na noite desta quarta-feira (13) e, assim, acumulou. O prêmio pode subir para R$ 39 milhões no sorteio do p...
Chuva intensa de meteoros terá pico na madrugada de quinta-feira
A chuva de meteoros Geminídeos – uma das mais intensas e brilhantes do ano – vai ocorrer durante a noite de hoje (13) e a madrugada de amanhã (14) e ...
STF tem maioria a favor de delação negociada pela Polícia Federal
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (13) maioria para manter a autorização legal para que a Polícia Federal (PF) possa negociar delações pre...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions