A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

09/06/2008 08:18

Polícia ainda não ouviu empresário ferido com 5 tiros

Redação

A Polícia Civil ainda não ouviu o empresário Maurício Martins Montazolli, alvo de um atentado na noite de quinta-feira em Campo Grande. O depoimento dele é fundamental para as investigações.

Conforme a assessoria de imprensa da Polícia Civil, os médicos ainda não autorizaram o depoimento, alegando que o empresário está sedado e portanto, sem condições adequadas de conversar com os policiais. Familiares dele, que é dono da Maube Joiás, já prestaram depoimento.

Montazolli está internado na Santa Casa. Ele foi ferido por cinco tiros disparados por um homem que estava em um Corolla.

A tentativa de homicídio aconteceu no cruzamento das ruas Dom Aquino e Padre João Crippa, bem perto da 1ª Delegacia de Polícia Civil, responsável pelo caso, e de uma unidade da Polícia Militar.

Mega-Sena acumula de novo e prêmio estimado sobe para R$ 43,5 milhões
Mais uma vez a Mega-Sena ficou sem vencedor na faixa principal e, com isso, a premiação acumulou e pode chegar a R$ 43,5 milhões no próximo concurso,...
Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions