ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SEXTA  27    CAMPO GRANDE 22º

Cidades

Polícia mantém em sigilo informações sobre triplo homicídio em Campo Grande

Por Graziela Rezende | 25/11/2013 10:32

A Polícia optou por manter em sigilo qualquer informação sobre a chacina ocorrida há uma semana no bairro Santa Luzia, em Campo Grande. De acordo com o delegado Fábio Peró, responsável pelas investigações, o cenário do crime, que inicialmente seria de um roubo, na verdade, é um “acerto de contas” que culminou em um triplo homicídio.

“Não podemos falar nada sobre as investigações, apenas quando houver prisões. Temos testemunhas que estão nos ajudando a elucidar o crime, mas, inicialmente, nada será divulgado”, afirma o delegado.

Um dia após o crime, no qual uma sobrevivente confirmou que os bandidos anunciaram o assalto, a mão armada, exigindo uma corrente de ouro e um celular, a Polícia constatou que nada foi levado. E mesmo assim, o atirador “partiu pra cima” de uma das vítimas e a maioria dos tiros foi direcionado a uma só vítima, identificado como Edgar José Duarte, 38 anos.

Crime - Os homens chegaram em um veículo VW Santana e realizaram 13 disparos, após anunciar o assalto. Edgar e o irmão dele, João Carlos Duarte, 26 anos, e Maurício Martins da Silva, 31 anos, morreram na hora. Eles tomavam tereré quando foram abordados. A casa ficou cheia de marca de tiros.

Denúncias podem ser feitas pelo telefone (67) 3368 - 6634.

Nos siga no Google Notícias