A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

08/01/2016 15:40

Polícia segue sem pistas sobre quadrilha que explodiu caixas eletrônicos

Filipe Prado

Ainda não há pistas sobre a quadrilha que explodiu caixas eletrônicos de duas agências bancárias em Alcinópolis, distante 402 quilômetros de Campo Grande, na madrugada do dia 6. De acordo com o delegado Gustavo Mussi, há possibilidade de ligação com o crime que ocorreu em Selvíria, no dia 19 dezembro do ano passado, por conta do mesmo modus operandi.

O delegado contou que as policiais do município, com apoio do Garras (Delegacia de Repressão de Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros) de Campo Grande, realizam diligencias pela região para encontrar informações e testemunhas do caso. “Temos várias hipóteses, mas ainda nenhuma certeza”, apontou Mussi.

Como os crimes foram parecidos, o delegado de Alcinópolis assegurou que entrou em contato com Fernando Casatti, responsável pela investigação em Selvíria, para trocar informações sobre os crimes, mas até o momento não pode afirmar que a quadrilha que realizou os dois roubos são as mesmas.

As imagens do circuito interno dos bancos foram analisados, porém não foi possível a identificação dos autores, que usavam máscaras, chamadas de Bala Clava, e cobriam todo o corpo. A polícia realizou perícia no local e aguardam a emissão dos laudos. Uma equipe do Garras ficará auxiliando as investigações, apontou o delegado.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions