A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 17 de Outubro de 2017

09/07/2009 14:17

Políticos presos passaram a noite em capela de presídio

Redação

Dos 24 homens presos na Operação Owari, 20 pessoas, incluindo-se três vereadores, os vice-prefeitos e os secretários municipais, passaram a noite, antes de conseguirem o habeas corpus, na capela do Penitenciária de Segurança Máxima Harry Amorin Costa, em Dourados.

Os políticos e empresários, presos pela Polícia Federal sob a acusação de causar rombo de R$ 20 milhões nos cofres públicos, não dormiram nas celas, junto com os 1,4 mil presos da Harry Amorin, que tem capacidade para 700 internos.

Ficaram por aproximadamente 12 horas no local destinado a oração dos presos os secretários municipais de Dourados Sandro Ricardo Barbara (Saúde), Carlos Ióris (Obras) e o vice-prefeito Carlinhos Cantor (Serviços Urbanos); os vereadores Paulo Henrique Bambu, Sidlei Alves (presidente da Câmara Municipal), Humberto Teixeira Júnior (primeiro-secretário e líder do prefeito na Câmara de Dourados) e José Odair Gallo (presidente da Câmara de Naviraí); o vice-prefeito de Ponta Porã, Eduardo Esgaib Campos (DEM); os empresários Edson Hiroshi Ikeda, Gilmar Corbari, Eduardo Dias Leite, Eduardo Dias Leite; Fabiano Gomes de Souza Uemura; o ex-secretário municipal de Gestão de Dourados, José Carlos Coineth de Oliveira, o ex-superintendente de Compras da Secretaria Municipal de Saúde, Evandro Silva Rosa e Silvério Gonçalves Diniz Filho.

Continuam presos o vereador Humberto Teixeira Júnior, que aguarda o julgamento de liberdade provisória na 1ª Vara Criminal por porte ilegal de arma de fogo, o empresário Sizuo Uemura, acusado de ser o chefe da organização, seus dois filhos, Eduardo e Sizuo Uemura Filho; e o funcionário identificado como Polaco.

O ex-secretário estadual de Saúde, João Paulo Barcellos Esteves, obteve habeas corpus ainda na terça-feira, antes de ser transferido para o presídio estadual.

Confira o resultado da Mega-Sena desta terça-feira; prêmio acumulou
A Mega-Sena sorteou hoje (17) um prêmio de R$ 2,5 milhões para quem acertasse as seis dezenas. O sorteio extraordinário, do concurso 1.978, foi reali...
MPF e MPT recomendam revogação de portaria que muda regras do trabalho escravo
O Ministério Público do Trabalho (MPT) e o Ministério Público Federal (MPF) recomendaram ao Ministério do Trabalho que revogue a Portaria 1.129, publ...
De elogio a folga, governo vai premiar policiais militares por produtividade
A Polícia Militar de Mato Grosso do Sul vai premiar policiais de acordo com sua produtividade com bonificações que vão de elogio, cancelamento de pun...
Nota do Enem é aceita para ingresso em 27 universidades de Portugal
O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) fechou recentemente um convênio com o Instituto Politécnico da Maia (...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions