A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

04/05/2009 10:07

Presente agrada só 51% das mães; confira as preferências

Redação

Pesquisa desenvolvida pela UCDB (Universidade Católica Dom Bosco), em parceria com a Associação Comercial e Industrial de Campo Grande, mostra que em 2008 apenas 51% das mães que receberam presentes de Dia das Mães declararam ter ficado satisfeitas, as outras não responderam ou disseram que se frustraram.

O estudou mostrou a distância entre o presente que as pessoas pretendem dar às mães e o que elas esperam ganhar no dia 10 de maio. A pesquisa foi realizada entre os dias 15 e 29 de abril e tem uma margem de confiança de 95%. Foram ouvidas 384 pessoas, das quais, 61% mulheres.

Das mães entrevistadas, 26,62% disseram que gostariam de receber vestuário como presente. Outras 19,48% gostariam de receber jóias de acessórios, 18,18% perfumaria, 7,14% eletrodomésticos. As utilidades para o lar são desejo de apenas 3,90% e as flores de 3,25%.

Já para quem vai presentear, 42,59% disseram que vão comprar peças do vestuário, outros 21,18% indicaram perfumaria e 9,18% citaram jóias e acessórios. A preferência por eletrodomésticos foi apontada por 7,76%, flores, 7,53% e utilidades para o lar 4,41%.

Considerando esses números é possível avaliar que a preferência menos contemplada na intenção de compras, em relação à expectativa das mães, são as jóias e acessórios. Elas aparecem como segunda maior opção entre as presenteadas, mas menos de 10% disseram que darão estes presentes às homenageadas.

Dos consumidores entrevistados, 45% têm vencimentos de até dois salários mínimos, 38,8% de dois a cinco salários mínimos. A maioria, 81,5%, trabalha nos setores de serviços e comércio. Mais de 87% disseram que vão comprar presentes para a data, a segunda mais importante do ano para o comércio. Destes, 71,28% vão presentear a própria mãe, 11,1% a sogra, 7,85% a avó e 7,44% a esposa.

A maior parte, 68,73%, tem a pretensão de gastar até R$ 100. Outros 19,85% manifestaram o interesse de gastar de R$ 101,00 até R$ 200,00 e 5,21% vão pagar de R$ 201,00 a R$ 300,00 no presente. Aqueles que desejam investir em presente para o Dia da Mães acima de R$ 501,00 representam 2,73%.

O dinheiro será a forma de pagamento de 46,21%, seguido do cartão de crédito, 30,07% e débito, 11,49%.O cartão da loja representa 5,87% e o crediário 4,40% como forma de pagamento na intenção de compra. O uso de cheque, pré-datado e à vista e, é pouco representativo, 1,22% e 0,24% respectivamente.

As lojas do centro foram preferidas por 50,61% dos potenciais clientes pesquisados. Por sua vez as lojas do shopping tem como intenção de compra por 38,88% dos potenciais consumidores no Dia da Mães. As lojas do bairro representam apenas 3,42% como opção de compra e o Camelódromo 2,20%.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions