A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 25 de Setembro de 2018

06/02/2017 14:18

'Questão cultural' faz sobrar 830 vagas em escolas estaduais integrais

Evento da Secretaria de Estado de Educação conta com palestras sobre o funcionamento do sistema integral de ensino para o Ensino Médio

Christiane Reis e Richelieu de Carlo
Escola Manoel Bonifácio está com 170 vagas em aberto. (Foto: Arquivo) Escola Manoel Bonifácio está com 170 vagas em aberto. (Foto: Arquivo)

Escolas estaduais de Mato Grosso do Sul que vão oferecer ensino médio integral a partir deste ano estão com pelo menos 830 vagas ainda a serem preenchidas. As aulas na rede iniciam na próxima segunda-feira (13).

A informação é da coordenadora da equipe de implantação do modelo integral pela SED (Secretaria de Estado de Educação), Dayse Alves, e foram repassadas durante evento da pela secretaria, na UEMS (Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul) em Campo Grande, na manhã desta segunda-feira (6).

Segundo ela, no total 12 escolas vão oferecer o ensino médio em período integral, sendo 8 em Campo Grande e quatro no interior. Dourados é um dos municípios com a oferta e ali existem 400 vagas em aberto; em Maracaju são 150; Corumbá 60 e em Naviraí são 50 vagas. “Observamos que não sobram vagas em escolas onde o sistema já foi implantado e a população já o conhece”, disse Dayse Alves.

Ela não detalhou se há vagas nas escolas da Capital. Mas, só na Escola Manoel Bonifácio Nunes da Cunha, no Jardim Tarumã, são 170 ainda disponíveis, segundo informações de Silvana de Souza, diretora da escola. “Acredito que seja uma questão cultural. A partir do momento que as famílias e os alunos começarem a entender como é o formato da escola em tempo integral haverá mais adesão”, disse.

Segundo a diretora, que está à frente da escola desde julho do ano passado, quando o entendimento acontece os alunos permanecem. “Conseguimos constatar que houve crescimento intelectual dos alunos”, disse Silvana de Souza.

 

Evento conta com quase 320 participantes e segue até sexta-feira (10). (Foto: Alcides Neto)Evento conta com quase 320 participantes e segue até sexta-feira (10). (Foto: Alcides Neto)

Evento – O evento, realizado pela SED (Secretaria de Estado de Educação), na sede da UEMS, teve início nesta segunda-feira (6) e segue até sexta-feira (10). o intuito é oferecer informações sobre o funcionamento do programa do ensino médio em período integral.

Quase 320 pessoas, entre professores, diretores e coordenadores das escolas participam dos trabalhos, que têm à frente a equipe do Instituto de Co-responsabilidade em Educação e Jovens Protagonistas de Pernambuco. O estado implantou em 2004 o sistema integral para o ensino médio.

“Esse modelo do Pernambuco vem dando certo há anos e quando foi colocado em prática em 2004, a taxa de evasão era de 24%, semelhante ao Mato Grosso do Sul. No ano passado, a taxa lá em Pernambuco ficou abaixo de 3%”, argumentou Dayse Alves.

Ela destacou ainda que as aulas iniciam na segunda-feira (13) e que a primeira semana será dedica à acolhida dos alunos, com cronograma específico de apresentação só sistema integral.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions