A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

23/10/2010 10:20

Reciclado, óleo de cozinha vai virar biodiesel e ração

Redação

A prefeitura de Campo Grande lançou nesta manhã o programa de coleta e reciclagem do óleo de cozinha, produto que depois de processado poderá ser transformado em biodiesel, sabão e ração animal, entre outros itens.

O lançamento aconteceu no Mercadão Municipal, que descarta cerca de 200 litros de óleo por dia, a partir da fritura do pastel.

Além do ponto de coleta instalado no local, outros três funcionarão nesta etapa inicial do programa. Eles ficarão na Feira Central e nos Ecopontos do São Conrado e do Bálsamo.

A próxima fase do projeto é credenciar os grandes condomínios da cidade, que recolherão o material a ser aproveitado pelas empresas parceiras da prefeitura.

A destinação correta do óleo de cozinha será obrigatória para os grandes produtores, como bares, restaurantes, condomínios e shoppings, a partir de uma lei que está sendo elaborada pelo presidente da Câmara, vereador Paulo Siufi (PMDB).

Segundo o secretário de Meio Ambiente de Campo Grande, Marcos Cristaldo, a separação e reciclagem do óleo de cozinha faz parte do Programa de Coleta Seletiva implementado pela prefeitura no ano passado.

A primeira fase foi a destinação correta dos pneus. Gradativamente, a idéia é orientar a população, por meio de campanhas de educação ambiental, a separar lâmpadas, pilhas e o próprio lixo caseiro.

Conforme o secretário, o objetivo é que o projeto completo esteja implementado na cidade até julho de 2011.

Na última fase, o lixo seco (reciclável), separado nas residências, será coletado por caminhões específicos. Todo o produto será separado na ULP (Unidade de Processamento de Lixo), que está em fase de licitação.

De acordo com Marcos Cristaldo, a implantação da coleta seletiva em Campo Grande precisa ser gradativa. "Primeiro vem a fase da destinação, depois a logística e por último a educação ambiental", detalhou.

Mais de 80 supermercados e postos de gasolina já estão credenciados para posteriormente se tornarem postos de coleta de materiais como pilhas, óleo e lâmpadas.

O prefeito Nelsinho Trad (PMDB) inaugurou o ponto de coleta do Mercadão e destacou a importância do projeto.

"

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions