A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

15/04/2008 13:24

Relatório culpa usinas pelo aumento do trabalho escravo

Redação

Aposta dos dois últimos governos de Mato Grosso do Sul para o desenvolvimento da economia estadual, a indústria da cana-de-açucar é apontada como a vilâ responsável pelo aumento dos casos de trabalho escravo no Estado, em um documento divulgado nesta terça-feira em Brasília pela CPT (Comissão Pastoral da Terra), ligada à Igreja Católica. Pelos dados, baseados nos registros oficiais do Ministério do Trabalho e Emprego, foi em solo sul-mato-grossense que se registrou a pior situação de exploração de trabalhadores em 2007 no País, com 1,6 mil resgatados de condições análogas à de escravidão, um número superior em quase trinta vezes ao de 2006, quando 29 pessoas foram resgatadas em condições semelhantes.

O relatório da CPT, intitulado

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions