A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 21 de Outubro de 2017

10/07/2009 10:52

Rudel descarta redução da tarifa de ônibus em 2009

Redação

O diretor-presidente da Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito), Rudel Trindade Junior, descartou, nesta sexta-feira, qualquer possibilidade de redução da tarifa de ônibus neste ano. "Não há nenhum fato novo que leve a isso", afirmou, após reunião com os vereadores de Campo Grande, na Câmara Municipal.

Para Rudel, o MPE (Ministério Público Estadual) ficou satisfeito com as explicações da Prefeitura sobre o reajuste do passe de ônibus e apenas quer um aprimoramento no controle das gratuidades para evitar que alunos que moram ao lado das unidades de ensino usem o benefício para outros fins. A gratuidade é vista como a grande vilã nos reajustes do transporte coletivo.

O diretor-presidente da Agetran explicou que o prefeito Nelson Trad Filho é radicalmente contra qualquer corte de benefício, mas que a Prefeitura poderá criar mecanismos para evitar abusos. A preocupação de Nelsinho, ainda conforme Rudel, é que o fim das gratuidades implique em uma maior evasão escolar. Os vereadores dizem que a evasão escolar de Campo Grande é a menor do país.

Subsídio - A Prefeitura também descarta a possibilidade de subsidiar parte da tarifa. "Nós não consideramos essa possibilidade. A qualidade do transporte cai. Isso foi verificado nos locais onde houve subsídio, como São Paulo", afirma Rudel. O diretor-presidente afirma que os empresários se acomodam com o subsídio garantido e deixam de se preocupar com o atendimento à população.

Uma das decisões da reunião da manhã desta sexta-feira foi a de incentivar o uso do cartão temporal. O diretor-presidente da Agetran afirma que o uso desse instrumento reduz o custo do transporte coletivo porque permite o acesso mais rápido aos ônibus e consequentemente o tempo de viagem. Com isso, o mesmo ônibus pode fazer mais viagens no mesmo dia.

Hoje a passagem em Campo Grande nos dias comuns tem dois preços: R$ 2,50 para quem paga em dinheiro e R$ 2,30 para quem usa o cartão.

Golpista se passava por proprietário de locadora para enganar vítimas
Um funcionário e ao menos quatro pessoas que comprariam ou alugariam um carro foram vítimas de um falso dono de uma locadora de carros em Campo Grand...
Após quatro meses de formação, Corpo de Bombeiros recebe 62 novos cabos
O Corpo de Bombeiros ganhou nesta sexta-feira (20) 62 novos cabos, formandos no curso que iniciou no dia 26 de junho e que receberam a nova patente e...
No 3º concurso da semana, Mega-Sena sorteia prêmio de R$ 11,5 milhões
A Mega-Sena poderá pagar R$ 11,5 milhões a quem acertar as seis dezenas do concurso 1.980 e ganhar o prêmio principal da loteria, que será sorteada n...
Ministra diz que portaria sobre trabalho escravo destrói Lei Áurea
  A ministra dos Direitos Humanos, Luislinda Valois, afirmou que a portaria do Ministério do Trabalho que altera a conceituação de trabalho escravo e...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions